E quando a vagina é muito pequena?

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Selo jockey

Pergunta: Olá Doutor!

Bom, meu nome não importa, o que importa é o problema.
E nesse caso é de tamanho, mas não peniano e sim vaginal.
Eu e a minha namorada já chegamos intensamente nas pre-eliminares, porém na hora do vamo vê o mané aqui não entra nem fudendo, literalmente.
Para se ter uma idéia do tamanho ao adentrar o dedo indicador dentro da xota cabe no máximo mais um e ela já começa a reclamar de dor, mesmo estando tudo bem lubrificado. Quando tentei colocar 3 dedos juntos não passou nem da porta.
E é realmente um problema para mim, pois é a primeira namorada que chego nesse "ponto" e meu "mané" é razoavelmente mais grosso que os três dedos.

Como diabus eu resolvo isso?

Desde já obrigado pelo espaço!

- Orkutando

Caro Orkutando,

gostei muito de receber essa dúvida. Ela entra num assunto muito pouco conhecido pelos homens, que é a grande preocupação que as mulheres têm em relação às suas vaginas. Elas se preocupam com o formato, com o tamanho, com a aparência, com o cheiro, com a profundidade. Exatamente como nós fazemos com nossos instrumentos de guerra.

A vagina tem entre 8cm e 10cm de profundidade, que alcançam até 16cm quando a garota está excitada. É um órgão extremamente elástico e que foi projetado para acomodar praticamente todos os tamanhos de pênis, tanto em espessura como em comprimento.

A primeira coisa que te indico fazer é dar a sua namorada pelo menos um orgasmo ANTES de tentar a penetração. Sexo oral é fundamental, dê uma olhada nas perguntas anteriores onde coloquei algumas dicas. Além disso, tenha um KY (lubrificante) por perto e também umas latinhas de cerveja. Se ela não beber cerveja, faça ela tomar aquele Smirnoff Ice. Parece guaraná, mas as mulheres adoram.

Se ela tiver tomado 1 ou 2 latinhas, gozar antes da penetração, você passar um lubrificante a ainda assim o seu pau não entrar... ainda há esperança!

Se o seu pau entrar, procure por posições nas quais a penetração não é tão funda, como o papai e mamãe tradicional. Colocar ela de quatro não é uma boa ainda, isso aumenta a profundidade da penetração. Deixe ela ficar por cima, assim a mulher controla a profundidade e intensidade da trepada.

Caso o seu pau não entre após você fazer todas as três coisas que mencionei acima, converse com sua namorada sobre ela visitar um ginecologista ou um sexólogo. Há casos menos comuns de uma condição chamada "Vaginismo".

Vaginismo é a contração involuntária dos músculos próximos à vagina que impedem a penetração pelo pênis, dedo, ou espéculo ginecológico ou mesmo um tampão. A mulher não consegue controlar o movimento de contração, apesar de até querer o ato sexual. Há intenso sofrimento. Também podem aparecer sinais de pânico, como náuseas, suor excessivo e falta de ar quando a pessoa tenta enfrentar este medo, aproximando-se de seu parceiro. Mesmo desejando um contato sexual, há falta completa de controle de suas reações físicas de rejeição.

É uma disfunção não muito freqüente e geralmente acomete mulheres com um nível intelectual alto, de boa situação econômica, com jeito de ser do tipo controlador e com dificuldades de intimidade. Tem solução e simples, basta procurar um Terapeuta Sexual.

Mas esse é o último recurso, Orkutando. Primeiro faça a porcaria do seu dever de casa, né amigão. Dê a ela um orgasmo, um(ou dois) Smirnoff Ice e leve o KY com você.

Aguardo seu comentário para saber o que aconteceu,

Dr. Love, espalhando o amor pelo mundo


Caso também precise de uma receita e deseje enviar uma pergunta, clique aqui para visitar meu consultório.


publicado em 12 de Fevereiro de 2007, 09:22
92e8d9697a8dd2faf3d0bc4f9d3a08fc?s=130

Dr. Love

Consultor amoroso e cachorrão nas horas vagas.

Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há oito anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura