Ingressos da Copa do Mundo: Guia de Compras

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Selo jockey

Falta menos de um ano para a Copa do Mundo da FIFA. A maior festa do mundo será no nosso quintal. É muito provável que seja a única chance da sua vida de participar dela tão de perto. Mas para isso, vai ter que abandonar o costume brasileiro de deixar tudo para a última hora.

Sem firulas, aqui está o que você precisa saber pra – tentar – comprar um ingresso para a Copa.

Quando começam as vendas?

É importante entender que serão 3 fases de venda, com regras diferentes. Serão elas:

1. Pré-sorteio: De 20/08 a 10/10 de 2013 você se inscreverá nos jogos em que tiver interesse e a FIFA fará um sorteio para a compra posterior. Não existe nenhuma diferença entre quem solicita no primeiro ou último dia de prazo, então não precisa dar plantão no computador no primeiro dia. De 5/11 a 28/11 de 2013 acontecem as compras por ordem de chegada.

2. Pós-sorteio: De 8/12/13 a 30/01 de 2014, ocorre a mesma regra de inscrição e sorteio para compra, mas já com os times sorteados e jogos da primeira fase definidos. De 26/02 a 1/04 de 2014 são as compras por ordem de chegada.

3. Vendas de última hora: A partir de 15/04/2014, até os dias dos jogos ocorrem as compras também por ordem de chegada, para os jogos que ainda tiverem ingressos disponíveis. Geralmente os jogos menos interessantes e um número muito reduzido que restou de ingressos que não foram pagos.

Onde comprar?

Somente através do site da FIFA. A FIFA disse que não cederá ingressos para agências de turismo. Qualquer outra forma de compra será ilegal.

Vale a ressalva para tomar cuidado com ingressos falsificados.

Como funciona o esquema de posicionamento

A FIFA promete que no momento da compra haverá um mapa de setores para cada estádio, embora o seu lugar exato seja atribuído automaticamente pelo sistema.

Você pode ter uma ideia de como será a divisão nesse mapa.

categorias_mapa

A ideia básica é que os setores mais baratos (4 e 3) sejam os de trás dos gols e os mais caros (1 e 2) sejam os das laterais, com visão melhor do campo.

Tenha em mente que os melhores lugares sempre serão reservados para patrocinadores e outros “amigos” da FIFA. Leve em conta que os estádios padrão FIFA tem visão completa do campo de qualquer lugar da arquibancada.

Pois é, para quem não frequenta estádios no Brasil, é importante deixar claro que isso não é um padrão.

Como sentar ao lado dos meus amigos/parentes?

Outra novidade à qual não estamos acostumados é que, sim, todos os lugares são marcados e respeitados.

Então, a única forma de sentar próximo é fazendo a compra dos ingressos num mesmo pedido.

Somente uma pessoa será responsável pelo pagamento dos outros irão como convidados. Haverá um limite de 4 ingressos por pedido e um máximo de 7 partidas por endereço cadastrado.

Confira o nome completo, RG, CPF e data de nascimento de todos eles antes de confirmar o pedido.

E torça, pois na Copa das Confederações vi pessoas dizendo que fizeram apenas um pedido e mesmo assim foram colocados em lugares distantes de seus convidados.

Quanto vou pagar?

Muito barato ou muito caro. Vai depender da sua sorte, condição financeira e nível de conforto que você buscar.

Quando dizem que teremos o ingresso mais barato da história das Copas, é uma meia verdade, pois R$ 30 é uma pechincha para um jogo de Copa do Mundo.

Mas esse valor é válido apenas para a meia-entrada da categoria 4 de jogos da primeira fase, e exclusiva para brasileiros. Os preços variam de acordo com o setor e a importância dos jogos.

Confira a tabela completa.

tabelapreçoscopa

Posso pagar meia?

Sim, sob determinadas condições:


  • Apenas da categoria 4, para os participantes do programa Bolsa-Família e estudantes, obrigatoriamente com carteirinha da UNE ou UBES;

  • De qualquer categoria, para pessoas com mais de 60 anos.

Dos 500 mil ingressos reservados para brasileiros, 400 mil serão da categoria mais barata, sendo que destes, 300 mil serão de prioridade para quem tem direito à meia entrada.

Embora a categoria 4 seja exclusiva para brasileiros, aqueles que tem direito à meia entrada terão prioridade na compra em relação aos demais.

Relatos de quem foi na Copa das Confederações confirmam que no caso da meia entrada os documentos eram conferidos na entrada do estádio. Mesmo que não seja em 100% dos casos, já é mais do que em outros grandes eventos, onde a regra é que ninguém confere nada e pagamos pela meia o preço de inteira.

Existem ingressos reservados para pessoas com deficiência?

Sim. Os preços serão equivalentes ao da categoria 3, mas darão direito a um acompanhante, caso selecione essa opção na hora da compra. A deficiência terá que ser comprovada por laudo médico. Pessoas obesas com IMC acima de 30 terão lugares adaptados.

A FIFA promete que ao menos 1% da carga total de ingressos serão destinados a pessoas com deficiência.

Crianças também pagam?

Sim, independente da idade, a criança também terá que adquirir seu ingresso, e só paga meia na condição de estudante.

Quem irá jogar, onde e quando?

Só saberemos após o sorteio dos grupos, no dia 06/12/2013. Quem comprar ingressos antes do sorteio estará no escuro, mas é possível ter algumas certezas prévias:

1.Brasil será o cabeça-de-chave do grupo A, então já sabemos os 3 jogos da primeira fase. Também é possível prever onde jogaremos no mata-mata, só que isso pode mudar caso o time se classifique em primeiro ou segundo.

2.As seleções mais fortes serão as cabeça-de-chave, então qualquer jogo que envolva B1, C1, D1, etc. terá pelo menos um grande time jogando.

"Yes! Garanti o meu!"

3.As outras posições (A2, A3, A4, B2, B3...) são definidas por sorteio. Se for comprar antes do sorteio, saiba que pode tanto ser um Colômbia x Portugal como um Irã x Honduras.

Como faço para ver todos os jogos do Brasil (ou outra seleção qualquer)?

Existem os carnês que garantem os 7 jogos de um mesmo time, independente de onde e quando for o jogo. Caso ele seja eliminado, os ingressos continuam valendo para os jogos que ele disputaria, caso avançasse no torneio;

E se eu quiser comprar os jogos da cidade onde moro?

Se você não quiser se arriscar a levar as facadas que nossos hotéis e companhias aéreas certamente nos oferecerão, também existem carnês para todos os jogos de um mesmo estádio durante a competição.

Como aumentar as minhas chances de comprar meu ingresso?

Tenha em mente que serão apenas 3 milhões de ingressos à venda para o público em geral. Temos milhões de torcedores brasileiros e mais os estrangeiros. Muitos ficarão de fora.

Algumas dicas para você aumentar suas chances:

1. Os ingressos mais disputados serão da abertura, final, jogos do Brasil e os mata-matas. Jogos de primeira fase que não envolvam cabeça-de-chave provavelmente serão os mais fáceis de adquirir.

2. Quanto mais barato, maior o número de interessados. Como estudantes e idosos terão prioridade na categoria 4, mesmo ela sendo exclusiva para brasileiros, será mais fácil conseguir ingressos da categoria 3 ou superior;

3. Cuidado na escolha do solicitante dos ingressos. Ele será o responsável pelo pagamento e retirada, então deve ter limite suficiente no cartão para a compra de todos os ingressos solicitados.

Espero ter esclarecido as principais dúvidas.

O sistema de vendas é organizado, mas um pouco confuso à primeira vista. E para os principais jogos, será preciso contar com a sorte.

E agora que vocês já tem o passo-a-passo, gostaria de saber: pretendem ir assistir algum jogo? Onde? Está ansioso pra Copa?

Se tudo der certo, nos vemos em algum jogo.


publicado em 09 de Agosto de 2013, 11:38
288dbfc68bd583f0713725ca42d848e2?s=130

Rafael Ribeiro Rocha

Aprendeu a ler com a Turma da Mônica e nem se importa mais quando perguntam "biblio...o quê" ou fazem piadas sobre espanar poeira. Acredita que a educação pode mudar o mundo, mas não sabe se o mundo quer ser mudado. Corinthiano, alfabetizado e leitor, nasceu em Lagoinha-SP e mora na Cidade Maravilhosa.

Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há oito anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura