Como se transforma a paternidade no Brasil? Faltam apenas 5 dias para o PAI: Os desafios da paternidade atual.
Compre já o seu ingresso!

11º Memórias do Brasileirão + R$ 200,00 para você apostar

Aproveitando que estamos em recesso futebolístico, deixamos mais cinco partidas para os saudosistas de plantão. Tem uma virada surreal do Grêmio, um mico do ex-presidente do Flamengo, choro de Edmundo, virada do São Paulo e vitória do Inter.

Além disso, vamos depositar R$ 200,00 na conta de um dos leitores PdH cadastrados no Sportingbet, se ganharmos o desafio.

sporting

Antes da promoção, uma prestação de contas, como de praxe. Veja quais leitores PdH levaram as câmeras Sony 10MP DSC-S930:


  • Felipe Freitas

  • Carmen Lucia Pessôa Garcia

  • Pedro Resende

Perdemos o Playstation 3 (que sortearíamos aqui) para o Morróida, pelo alto valor que ele conseguiu com as apostas, mas ainda dá para conseguirmos um bônus se tivermos o maior número de leitores cadastrados no Sportingbet. O Morróida também está na frente nisso, mas falta pouco para passarmos. O desafio acaba às 23h59 de domingo agora.

Se ganharmos, vamos sortear um prêmio de R$ 200,00 para você dobrar ou triplicar em apostas. Tudo apenas entre os leitores que abrirem uma conta usando o link PdH.

Depois de fazer seu cadastro lá, volte aqui e deixe um comentário informando que se cadastrou. O sorteio será feito via random.org entre todos os que se cadastrarem e comentarem aqui.

Seguimos com nossa memorável série de grandes jogos do Brasileirão...

1998 – Flamengo 2 x 3 Portuguesa | Devolvendo o dinheiro do ingresso

Link YouTube

Poucos vão lembrar desse jogo do brasileiro de 98, mas que no final das contas foi um dos maiores vexames da história da competição. Tudo porque o então presidente do Flamengo, Kleber Leite, no intuito de fazer uma promoção para atrair a torcida, que sofria com a péssima campanha, prometeu devolver o dinheiro do ingresso se o Flamengo perdesse o jogo.

No final das contas, 52.000 pessoas tiveram o ingresso devolvido. Dá-lhe Klebão!

2006 – Grêmio 4 x 4 Fluminense | O poder de reação do tricolor gaúcho

Link YouTube

Esta é mais uma demonstração do decantado espírito de luta do Grêmio. Após abrir 2 x 0 aos 22 minutos do segundo tempo, a torcida viu o Fluminense virar o jogo para 4 x 2 em 20 minutos. Tudo parecia perdido, faltando 3 minutos para o fim do jogo e perdendo por 2 gols de diferença – e ainda com um jogador a menos.

Mas Grêmio é Grêmio... O juiz havia dado 4 minutos de acréscimo. Pra quê? Aos 47, Herrera fez o terceiro. Faltando exatos 5 segundos para o fim do tempo complementar, Rômulo empatou o jogo.

2008 – Vasco 1 x 3 Cruzeiro | O goleiro (chorão) Edmundo

Link YouTube

Na vexatória campanha que culminou com o rebaixamento do time em 2008, o Vasco jogava desesperado em São Januário contra o Cruzeiro.

O time mineiro, mostrando sua maior categoria, abriu 2 x 0 no placar, mas o Vasco fez um gol e partiu para cima. Num contra-ataque cruzeirense, o goleiro Tiago fez pênalti e foi expulso. Como o Vasco já havia feito as 3 alterações, coube ao atacante Edmundo ir para o gol.

Link YouTube | Melhores momentos de Edmundo

O goleiro improvisado não conseguiu pegar o pênalti, mas como o time não ajudava, fez a festa da torcida no tempo que restava, com algumas defesas.

E chorou no final.

1981 – São Paulo 3 x 2 Botafogo | Virada rumo à final

Link YouTube

Em plena época de vacas magras do Botafogo, o time conseguiu progredir até as semifinais do Brasileirão de 81, eliminando inclusive o então campeão da Libertadores (Flamengo). No 1º jogo, os alvinegros derrotaram o São Paulo, e levando essa vantagem ao Morumbi, fizeram 2 x 0 em 20 minutos de jogo.

Com um pênalti duvidoso, o São Paulo diminuiu e assim terminou o primeiro tempo. Num clima total de catimba, o intervalo durou 33 minutos, com ameaças do time carioca de não retornar ao campo. Mas o jogo prosseguiu, o São Paulo conseguiu a virada e foi à final do Brasileiro daquele ano, enfrentar o Grêmio.

1979 – Palmeiras 2 x 3 Internacional | Falcão ou Mococa?

Link YouTube

Nas semifinais do brasileirão de 1979, o apenas aguerrido time do Palmeiras iria enfrentar o supertime colorado, que acabaria campeão invicto daquele ano. Formou-se toda uma polêmica... O emblema foi o volante Mococa, do Palmeiras: o que iria prevalecer? O futebol vistoso de Falcão ou a raça de Mococa?

O Palmeiras até conseguiu ficar duas vezes à frente no placar, mas no final das contas, com dois gols e grande atuação do craque colorado, o Inter venceu por 3 x 2 e foi à final enfrentar o Vasco.

Créditos das imagens: Diego Saldanha e Lucianne


publicado em 19 de Dezembro de 2009, 15:09
7375567d0f2c379b7588ce618306ff6c?s=130

Mauricio Garcia

Flamenguista ortodoxo, toca bateria e ama cerveja e mulher (nessa ordem). Nas horas vagas, é médico e o nosso grande Dr. Health.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura