Estamos procurando um autor para escrever sobre saúde do homem no PdH! Topa? Mais informações aqui.

49 cervejas artesanais nacionais para se beber

Pale Ale, IPAs, Strong Ale, Weiss. Caju, castanha, chocolate, café, cítricas e clássicas. Cerveja para tudo que é gosto

2014 já ficou para trás, mas deixou um retrogosto bom demais. Foram muitos cursos, muitas aulas, eventos e palestras que eu participei. A convite do PapodeHomem, fiz uma lista com as cervejas que lembro de ter provado e que gostei muito.

Começo com as nacionais e, depois, faço outra lista só com as de lá de fora.

As cervejas brasileiras estão mandando muito bem. Vale muito a pena (e até os custos mais elevados do que as cervejas comuns) provar e, pelo menos, compartilhar a conta e os goles com os amigos! Muitas cervejarias iniciaram seus trabalhos ano passado e as que já estavam a todo vapor no mercado continuaram a jogar lenha nessa fogueira. 

A lista não está em ordem de preferência, até porque cada dia é um dia diferente e essa coisa de cerveja preferida é muito subjetiva! 

Júpiter Tânger

Foto: cozinhapequena

Uma witbier bem refrescante e leve, feita com tangerina ao invés da tradicional laranja.

Júpiter American Pale Ale

Foto: degustaterapia

Com o amargor na medida, a primeira cerveja da Júpiter;

Gordelícia Urbana

Foto: degustaterapia

Uma Belgian Golden Strong Ale com rótulo lindo e, o sabor, o o nome já explica: cheia e saborosa.

Trem Bão Urbana/ Wäls

Foto: screamyell

Colaborativa entre Wäls e Urbana, uma Session Ipa Saison vai balançar um pouco dos dois estilos;

Niew West Urbana e Social Beers

Foto: Rock'n Hops

Uma Quadrupel Hop com altos 10,5% de álcool que nasceu do terceiro projeto de crowdfunding da Social Beers, fabricada em colaboração entre a Brouwerij't IJ de Amsterdã e a Urbana cervejaria brasileira. Não sei se ainda tem essa relíquia em algum lugar, mas merece a procura.

Tupiniquim Monjolo

Foto: cervejaparadois

Uma Imperial Porter robusta  com seu líquido bem escuro e retrogosto de malte torrado;

Tupiniquim Polimango

Foto: brejas

Sensacional IPA com amargor bastante equilibrado.

Saison de Caju | Stillwater Tupiniquim

Foto: ocontadordecervejas

Mais uma colaborativa que deu super certo, a Saison é um estilo muito refrescante e ainda tem um toque com o suco brasileiro mais amado por nós quando criança: o caju.

Clássica Tropical | Tupiniquim & Stillwater

Foto: mesadebar

Também colaborativa, é uma Saison cheia de diferenciais: tem adição de milho, arroz, açúcar demerara, polpa de manga e levedura Brettanomyces.

Bad Moose ESB

Foto: brejas

Aquela cerveja que você tem que ter na geladeira todos os dias.

Bad Moose Weiss

Foto: degustaterapia

Para agradar qualquer paladar que goste de uma cerveja de trigo;

Dum Petroleum (que faz com a Wäls também)

Foto: brejada

Uma cerveja que tem fama de ser boa porque é boa demais.

Dum Jan Kubis American Pale Lager

Foto: mestrecervejeiro

Para acabar com essa história de que cerveja Lager é levinha e sem amargor.

Dum Grand Cru

Legenda: Dum Grand Cru

Me impressionei com a potência e textura dessa cerveja, uma Double Wit com seus 9% de álcool.

Damiana Invicta

Foto: aquelecaradacerveja

Uma Bavarian Ipa para comemorar o aniversário da Cervejaria de Ribeirão, com potente aroma da flor Damiana e lúpulo na medida;

Imperial Stout Invicta

Foto: screamyell

Cremosa e aveludada, me encantei por essa cerveja escura.

Six O´Clock Invicta

Foto: beer4fun

Votei nela como melhor IPA feita no Brasil ano passado, uma colaborativa entre a Six Point (cervejaria americana) e a Invicta, essa “Session Ipa” tem a medida que eu acho perfeita no amargor.

Saison a Trois

Foto: cervejasepetiscos

Colaborativa da Invicta com a Cervejaria 2 cabeças, do Rio de Janeiro, uma parceria e receita que deu certo faz tempo. Refrescante e ideal para a temperatura aqui da terrinha;

Cevada Pura Lemon Drop

Uma pilsen diferente, pois tem um lúpulo que dá um toque de limão, mais cítrico à cerveja.

Colorado Ithaca

Foto: screamyell

Daquelas que você não toma sempre, morre de saudades, mas entende que são grandes ocasiões que merecem essa cerveja;

Colorado Appia

Foto: botecodoedu

Para tomar todos os dias e para apresentar para todas as pessoas;

Colorado Berthô

Foto: brejas

Com castanhas do Brasil, essa cerveja tem sabor de frutas secas.

Elektra | Bamberg Aconchego Carioca

Foto: oguiadacidade

Para comemorar o aniversário do boteco mais gostoso de São Paulo, eu dei sorte que a Bamberg produziu um estilo que eu estou sempre à procura que é o Vienna Lager;

Bamberg Doppelbock

Foto: edurecomenda

Pense em uma cerveja saborosa? Não é fácil de achar, o que torna ainda mais gostosa quando se bebe;

Bamberg Rauchbier

Foto: mariacevada

A melhor cerveja defumada do Brasil.

Cacau Ipa | Bodebrown e Stone

Foto: bodebrown

Para até os que não gostam de IPA se apaixonarem.

Olivia Ipalito

Foto: tripbeer

Novidade no mercado, diria que essa é inesquecível.

Wals Citra Session IPA 3,9%

Foto: screamyell

Se você tiver o dia inteiro para beber e escolher uma só cerveja, que seja essa.

Way Amburana Lager

Comprei para harmonizar com a minha Paçoquita e deu certo demais.

Way Soir me not Acerola

Foto: beerlndex

Com PH bem abaixo do que estamos acostumados, minha boca saliva só de lembrar dessa cerveja;

Baden Baden Weiss

Foto: foodsally

Excelente qualidade e um dos melhores preços do mercado, acha muito fácil no Brasil inteiro.

Baden Baden Chocolate 

Foto: worldbeer2

Nem todo mundo gostou, mas eu achei que fica muito interessante em algumas harmonizações e não só com chocolate;

Eisenbahn Pale Ale

Foto: brejasdeouro

Melhor custo benefício do mercado.

Eisenbahn Dunkel 

Foto: acervejeira

Comia hambúrguer e tomava essa cerveja como se fosse arroz e feijão.

Lund Munich Dunkel

Foto: instawebgram

Fácil de agradar os novos paladares da cerveja.

Lund MGB Studio Kristal Weiss

Foi um projeto muito legal que eu participei. Essa é uma cerveja de trigo filtrada e com dry hopping de lúpulo mandarina.

Working Class Burgman

Foto: bomdecopo

Para aqueles que muito trabalham e precisam de uma boa recompensa.

Hot Lager Barco

Foto: sonoma

Porque o mundo precisa de mais condimento.

Old Ship Dortmund

Foto: cervejasepetiscos

Amargor na medida e um rótulo lindo.

Grimor nº 21 

Foto: grimor

Cerveja bonita, por dentro e por fora.

Hop Arabica Morada Cia Etílica

Foto: jornalmeuparana

Se você acha que café é tomado só preto e quente, precisa “ver” essa cerveja de perto.

Double Vienna Morada

Foto: cervejaparadois

Porque tem coisas na vida que a gente não larga nunca e toma quantas vezes forem preciso.

Cirillo Stout Seasons

Foto: cervejaparadois

Uma cerveja clássica com café. Uma tradição.

Jeffrey witbier RJ

Foto: noo

Todo um contexto na fabricação, ganhou o amor do público no festival do Mondial de La Biere que participou no RJ.

Schornestein IPA

Foto: Rock'n Hops

Uma clássica IPA que pode ser bebida sempre que você a encontrar.

Schornestein Witbier

Foto: blumenews

Só bebi uma vez, em março do ano passado e tenho sede até hoje.

Bierland Vienna

Foto: ocontadordecervejas

Bem feita, bem boa e cheia de prêmios.

Dama Bier ESB

Foto: brejas

Bastante equilíbrio em um estilo que gosto muito. Malte e lúpulo são amigos.

Pirates Flip Weird Barrel Session Ipa

Uma cerveja para tomar até quando a gente está doente. Essa Session Ipa leva um toque de gengibre, mas está disponível em pouquíssimos eventos e começando carreira em um PUB Pirata de Ribeirão Preto.

* * *

Descobri que o que eu mais tomei foram as cervejas colaborativas, um estilo que tem crescido muito no Brasil e ainda vai crescer mais. A receita, inclusive, apesar de trabalhosa, é muito simples. Você pega uma ideia, inocula a coragem, deixa que cresça. Adiciona uma receita de cerveja para paladares com sede, adiciona profissionais competentes, mistura tudo com bons ingredientes, paciência, mercado que aguarda novidades, setor com crescimento e voilá! 

Espera ficar pronta e bebe feliz por ter compartilhado culturas diferentes, ingredientes (até exóticos) e pessoas, que sempre dá uma boa mistura!

Observação importante: colaborativa não é um estilo de cerveja, só uma maneira de brincar com o assunto. É um estilo de fazer cerveja.

Perceberam que, pela lista, foram muitas cervejas! Mas é bom lembrar que não há exagero. Cada uma foi degustada com cautela, com a finalidade de aprender e descobrir, fora a diversão que é o simples fato de beber. 

Em 365 dias do ano, dá para fazer e beber bastante coisa com moderação e diversão!

Dessa lista, você tem as suas preferidas também?


publicado em 07 de Fevereiro de 2015, 00:00
Bio jpg

Bia Amorim

Formada em Hotelaria e pós-graduada em Gastronomia, com especialização em Sommelier de Cervejas. Está no Twitter (@biasamorim) e Instagram (@biasommelier), além do Farofa Magazine, projeto que nasceu para para atender a crescente demanda de comensais que gostam de harmonizar, aprender, conversar e filosofar.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura