[18+] Mulheres, ninjas e cavalheirismo: os melhores textos de maio

Maio.

Mês de intermitências. Tivemos dificuldade em manter o site de pé, por conta de dois picos inesperados de acesso.

O primeiro com um texto de janeiro de 2011, "Mulher que dá na primeira noite... essa é para casar" e o segundo com o relato visceral de Claudia Regina, "Como se sente uma mulher", que chegou a quase 1 milhão de acessos. Também ficamos felizes ao saber que o texto já foi traduzido para o espanhol, italiano e inglês. Por conta dos picos, redimensionamos o servidor e tivemos um aumento de leitores diários, assim como crescimento de pessoas na fanpage.

Mas não tivemos só dois textos. Falamos sobre cavalheirismo, bicuriosidade masculina, conversamos sobre os motivos que nos fazem gastar dinheiro, como escolher um bom fone de ouvido, sobre a necessidade de dar um turbo na vida, como cuidar dos próprios calçados, entre outras coisas.

Seguem os mais lidos:

1. Como se sente uma mulher, por Claudia Regina (908,764)

IMG_0004-620x413

O privilégio é invisível. Para o homem, só é possível ver o privilégio se houver empatia.
Tente imaginar um mundo onde, por cinco mil anos, todos os homens foram subjugados, violentados, assassinados, podados, controlados. Tente imaginar um mundo onde, por cinco mil anos, só mulheres foram cientistas, físicas, chefes de polícia, matemáticas, astronautas, médicas, advogadas, atrizes, generais. Tente imaginar um mundo onde, por cinco mil anos, nenhum representante do seu gênero esteve em destaque, na televisão, no teatro, no cinema, nas artes. Na escola, você aprende sobre a história feita pelas mulheres, a ciência feita pelas mulheres, o mundo feito pelas mulheres.

2. Cavalheirismo é machismo, por Alex Castro (52,020)

Cavalheirismo é ser gentil com mulheres. Andar entre sua mulher e a rua, caso passe um caminhão por cima de uma poça. Abrir a porta para as damas. Se oferecer para ajudar quando vê uma moça carregando uma mala pesada. Pagar a conta do restaurante e, especialmente, a do motel.
O machismo reside justamente em só fazer essas coisas pelas mulheres.

3. [18+] Manual de etiqueta do ménage à trois, por Lasciva (36,341)

Duas mulheres nuas diante de seus olhos, na cama.
Essências suaves vindas de ambos os lados, gemidos de diferentes timbres soando ao seu ouvido, o dobro de superfície de pele macia para explorar. Tantos orifícios que fica difícil saber por onde começar. Não é à toa que essa fantasia habita o imaginário de tanta gente.

4. 13 sinais de que um menino se transformou em homem, por Frederico Mattos (35,658)

Não existem demarcadores concretos que denunciem quando alguém já pode ser considerado homem de verdade. Tem muita gente do sexo masculino por aí, mas pessoas que se portem de modo confiável e comprometido é um pouco mais difícil.
É de maturidade que falo aqui, coisa preciosa.

5. O último ninja tem 63 anos e não vai passar seus ensinamentos pra ninguém, por Jader Pires (34,026)

Ele é a última figura remanescente do clã Ban, uma linhagem de ninjas com mais de 500 anos de existência.
Jinichi Kawakami é um engenheiro aposentado que já está na casa dos 63 anos de idade e é considerado o último ninja real do Japão.

6. [18+] Apollonia Saintclair desenha deliciosas mulheres, por Victor Lisboa (27,559)

Lamento informar: nem só de papo cabeça vive o homem.

7. Bom dia, Clarice Falcão, por Luciano Ribeiro (25,054)

clarice-falcao-01-620x365

Ela é aquela sua amiga da faculdade, sempre linda, sempre criativa, sempre esperta, que passa a tarde assistindo um filme, jogando videogame, tocando violão e faz você sonhar com o dia que ela vai sentar ao seu lado e dizer “fiz essa música pra você”.

8. [18+] Manual de etiqueta do Swing, por Lasciva (20,674)

Já tem quem te acompanhe no swing? Então fique bem disposto e não deixe de se preparar.

9. Saiba observar uma mulher gostosa, Rodrigo Cambiaghi (20,077)

A histeria está matando o estado contemplativo.

10. Bolsa família e a leitura errada dos brasileiros, por Carol Bazzo (19,286)

Bem, se vamos cobrar do Estado a aplicação eficiente e a fiscalização do programa, antes temos de cobrar eficazes políticas de dissolução da desigualdade e da miséria, de inserção do marginalizado na sociedade. Pouco importa se as pessoas não precisam mais do benefício se ele é, na verdade, uma forma de fazer o dinheiro circular…

Sugestão do Editor: A Angelina Jolie que você conhece e a que você não conhece, por Ismael dos Anjos (18,362)

Angelina-Jolie-Wallpaper-6

Você conhece a Angelina Jolie.
Mas você também não conhece a Angelina Jolie. Pelo menos não mulher que fez o mundo saber hoje, em uma matéria publicada pelo New York Times, que tomou a difícil decisão de fazer uma dupla mastectomia para sobreviver aos 87% de chances de ter câncer de mama.

Sugestão do Editor 2: Mulher que dá na primeira noite… essa é pra casar, por Autor Anônimo (612,766)

Se juntarmos as peças desse quebra-cabeça, poderemos concluir que muitas mulheres adiam o sexo não porque elas não gostam, são de família ou querem nos deixar excitados, mas pela mera razão de que se transarem de primeira podem criar uma imagem negativa.
De fato, quando transam com uma mulher logo de cara, vários caras realmente pensam que ela não presta (e incrivelmente não aplicam a mesma lógica para si mesmos).

//

Sorteio relâmpago: nos digam qual o melhor e o pior artigo do mês, na opinião de vocês. Se puderem justificar, melhor ainda.

Vamos sortear um livro do PdH entre todos que fizerem isso. Esse retorno é dos nossos principais termômetros pra seguir tocando o conteúdo por aqui.


publicado em 06 de Junho de 2013, 18:15
Avatar01

Luciano Ribeiro

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura