Bom Dia, Adéle Exarchopoulos


"Sei que todo mundo quer perguntar: vocês realmente transaram?"
Revista GQ americana, novembro de 2013.

Adèle Exarchopoulos tem 20 anos e nenhuma intenção de desviar das perguntas mais ardilosas. A atriz carrega a marca idelével das mulheres que sabem o quanto são maravilhosas. É aquela estirpe rara, capaz de sugar nossa vida com apenas um olhar.

Faça o exercício mental, se conseguir: fixe-se apenas em seus olhos. Pronto. Você está condenado à admirá-la para todo e sempre.

O diretor Abdellatif Kechiche caiu nesse mesmo abismo. Após vê-la devorando um pedaço de torta de limão, não havia dúvidas de que acabara de conhecer a garota nascida para o papel principal do -- filmaço -- Azul é a Cor Mais Quente, película vencedora da Palma de Ouro no ano passado que narra as descobertas sexuais de um jovem da classe trabalhadora francesa.

Link YouTube

Indomodável. Incorrigível. Inesgotável.

Adèle é tudo isso e ainda fala francês. Repito: francês.

1459666_599459366775626_1429056710_n
icemax_926_1b304dcad53fe917e62f619e7bdf969c
Adele-Exarchopoulos-GQ-photos
Adele-Exarchopoulos-Eric-Guillemain-01
Adele-Exarchopoulos-Eric-Guillemain-02
lea_seydoux_adele_exarchopoulos_interview_1

Boa semana a todos.


publicado em 05 de Janeiro de 2014, 22:00
Eu1 perfil jpg

Rafael Nardini

Vive de escrever bobagem. Torcedor de arquibancada, fake de músico e curioso na cozinha.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura