[18+] Bom dia, Andréia Rocha

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Vivara130x50 jpg
  • Selo dorel jpg

Há as que preferem dançar acompanhada, no mesmo ritmo que o outro como se fossem um só. Tem aquelas que não sabem dançar e, por isso, procuram um par que saiba como guiá-las. Mas também existe o tipo que dança sozinha e rouba os olhos de quem a observa.

A Andréia não é nenhuma dessas três. Ela faz a dança.

Link Vimeo

Tenho a sensação de que ela sozinha é movimento. Sem precisar de som, ensaio ou qualquer outra coisa. Ela fez ballet durante anos, o que justifica o fato de ela ter disciplina, esforço físico e persistência. No entanto, esses elementos isolados não respondem pelo que ela faz ao dançar.

Nesse vídeo, é a ela e o mar. O encontro de duas presenças que tem uma imensidão que fica difícil de entender só pela imagem. A bailarina não precisa ter ninguém por perto, sua própria companhia faz ela ser a melhor pessoa para estar consigo. É como se ela fosse a dança, fazendo com que o mar vire coadjuvante da história toda.

"I'm honest, brutal and afraid of you".

É assim que a a Andréia se descreve às vezes. Tentar entender o que ela quer dizer com isso procurando no Google vai te levar para uma música do Belle & Sebastian. Meio caminho andado pra conhecer a bailarina, mas você só vai saber o que isso significa em letras garrafais se ela te tirar pra dançar.

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19

Boa semana a todos.


publicado em 28 de Julho de 2014, 06:00
5a2cc42102efd03ee23dba5088c0e62c?s=130

Talita Alves

Faz parte da sociedade secreta dos adoradores de Jägermeister e respeita quem brinda olhando no ollho. Acha que todo mundo deveria morrer de amor, mesmo que dure o tempo de terminar uma cerveja. No instagram, é a @talitas.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: