Estamos procurando um autor para escrever sobre saúde do homem no PdH! Topa? Mais informações aqui.

Como fazer um jardim com cápsulas de café espresso

Reaproveite as cápsulas de café espresso para gerar um pouco de beleza na sua casa

Sua sala, mesa ou ambiente podem se beneficiar bastante de um vaso com uma planta. Seja ele comprado ou feito à mão, é legal escolher algo que combine com seu estilo.

Nesse post vou dar uma dica de como reaproveitar cápsulas de café para plantar suculentas, uma espécie de planta que não precisa de muita água. 

No caso, a planta combina perfeitamente com o recipiente, que não comporta excesso de água.

Além do conteúdo, praticidade e da dose de ânimo diária, as cápsulas das máquinas Nespresso me encantam pelas cores e texturas interessantes.

Cafeína, amigos.

Sempre tive dó de jogar aquele produto no lixo após a extração do seu conteúdo mágico. 

Visitando blogs e sites na internet, vi diversas aplicações e usos pras cápsulas. 

Então, me inspirei nesses posts para criar os “jardins expressos”, que você poderá replicar facilmente para presentear ou decorar sua casa (mesa de trabalho, banheiro, hall de entrada...). 

É um material fácil de manipular, de custo baixo e visual interessante.

Plantas: fui à uma loja de jardinagem e lá encontrei diversos tipos de suculentas e aparentadas. Cacei espécies diferentes para compor um jardim com plantas de alturas, volumes e texturas diversas. Nesta loja em que fiz as compras, um vaso pequeno custou R$3,50 e os grandes (com mudas maiores ou com uma seleta de espécies) custaram cerca de R$6,00 ou R$7,00.

Cápsulas: recomendo tomar o café para a experiência ser plena, mas se quiser evitar a bomba de cafeína, vá caçar. Sempre tem um dentista, um escritório, casa de parente ou amigo com essas preciosidades. Eu tomo o café em casa e pego as cápsulas usadas de lugares por onde passo.

Ferramentas e Material

  • Cápsulas de Nespresso (ou outra marca) limpas;
  • Pincéis variados;
  • Pistola de cola quente;
  • Ripa de madeira, papelão decorado, acrílico, caixa de biju (para servir como base de apoio do seu jardim expresso);
  • Suculentas variadas;
  • Tampa de caixa de pizza, caixa de papelão para montar seu jardim.

1. Limpar as Cápsulas

Com uma faca pontiaguda ou com um canivete, corte o lacre de metal rente à borda da cápsula. Retire o café da cápsula com uma colher ou com o dedo mesmo. Lave bem a cápsula com água (coloque todas em um balde para economizar esse recurso que anda tão escasso, especialmente em SP).

2. Encontre um recipiente para desenformar as suculentas

Para harmonizar com algo tão delicioso como o café, decidi comer uma pizza e usar a tampa para minimizar o escarcéu na minha sala. 

Depois, pegue os vasos com cuidado, vire-os de ponta cabeça amassando o plástico para desenformar as plantinhas. 

São seres frágeis e, nesse processo, perdem uns gomos. 

Sem stress, elas tem um monte de braços gelatinosos.

3. Selecione as cores e o estilo do seu jardim

Você pode por uma sequência clássica de vasinhos (um ao lado do outro) ou incrementar com um esquema pirâmide. Vou mostrar no final alguns exemplos que fiz.

O principal é você decidir as cores e a localização de cada vaso. 

Recomendo usar um local alto para visualizar frontalmente o resultado final dos seus arranjo (use uma mesa ou prateleira). Antes de colar, coloque sua base (no meu caso um acrílico transparente) e disponha as cápsulas do jeito que você pensou. Altere a sequência ou as cores, se necessário. 

Já deixo o aviso: caso faça essa etapa no chão, o resultado pode ser frustrante.

4. Prepare os vasos

Antes de colar na base que escolheu, identifique as plantas que vão ficar em cada vaso. Se quiser deixar um vasinho inclinado, amasse a base dele empurrando-o na mesa, no chão até atingir a inclinação desejada. Se for colocar um em cima do outro, amasse um contra o outro conforme as fotos. Depois de amassados, use a cola quente para uni-los.

5. Plantio

Coloque um pouco de substrato sem raízes, o mesmo que veio com a planta, no fundo da cápsula. 

Com cuidado, coloque sua suculenta. Em algumas deixei um pouco das raízes para fora, em outras cortei o excesso. 

Adicione com a ponta dos dedos pequenas porções de substrato/terra e vá apertando com o cabo do pincel. Tentei usar um palito de dentes, mas ele pode machucar a raiz e a planta. 

Se a plantinha for muito alta, coloque um palito de dentes espetado ao lado para apoiar a planta e evitar sua queda durante um eventual deslocamento (caso for passear com ela de carro, por exemplo).

6. Limpeza e colagem

Com o pincel, limpe a borda e o pé do vaso antes de usar a cola quente. 

Limpe também o meio das folhas, que ficarão com terra. 

Antes de colar, observe com atenção: acomode todos os vasos plantados um ao lado do outro para ver se vai caber na sua base. Aconteceu de eu ter que trocá-los de ordem devido à super população em um lado e um total vazio de outro. 

Então, ligue a pistolinha de cola quente, encoste sua a ponta na base da cápsula a fim de colocar uma pequena quantidade desse material viscoso. Você vai ver quando precisará de mais, daí, encaixe o vaso com cola no local desejado.

7. Rega

Logo apos o transplante, com um conta gotas, seringa ou colher de chá, adicione algumas gotas de ÁGUA nas plantas. Pelo que li, elas devem ser modestamente regadas uma vez por semana. Quando deixam de ficar suculentas, é que falta água. Vá acompanhando o desenvolvimento das suas plantinhas, pois cada qual terá sua preferência por água e luminosidade.

8. Fim

Escolha o lugar adequado, acomode seu pequeno jardim e compartilhe conosco o resultado.

Você gostaria de ensinar algo?

Deixa que eu faço” é a nova série colaborativa de textos mão na massa do PapodeHomem. A ideia é reunirmos pessoas dispostas a contribuírem com guias e tutoriais, ensinando a fazer as mais diversas tarefas, das rotineiras às inusitadas. Com o tempo, queremos ter um compilado com todo tipo de passo-a-passo, para tornar o PapodeHomem um espaço cada vez mais útil.

Pode se programar: toda sexta, um texto com um guia ensinando a fazer algo prático. Tem alguma ideia? Manda pra gente no e-mail deixaqueeufaco@papodehomem.com.br

E, caso faça um dos tutoriais já publicados, põe a hashtag #deixaqueeufacopdh pra compartilhar com a gente. As mais legais a gente solta no Instagram do PapodeHomem


publicado em 29 de Maio de 2015, 00:05
File

Artur Keppler

Professor de química, pesquisador, cozinheiro-ninja, pai de duas lindas garotas. Adora aprontar com uma furadeira, pincel, lápis e papel. Acredita no poder transformador de pequenos gestos.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura