Como você vai ver o Google Glass daqui a vinte anos

  • Nossos atuais Mecenas:
  • 130x50 jpg
  • Asm selo png

Basicamente, daqui a vinte a anos você vai olhar para o Google Glass e vai sentir isso:

Voice Command Headset

A Consumer Electronics Show (CES) é uma das maiores exposições de tecnologia do mundo. É lá que as grandes marcas vão mostrar suas inovações. Tradutores, sistemas de realidade virtual, robôs e todo tipo de bugiganga mostra as caras primeiro ali. A aposta é de que, por algum motivo, a gente precisa dessas coisas.

Em 2014, temos computadores vestíveis, smartwatches, lentes de contato que exibem informações diante dos seus olhos, tvs com tela flexível, entre outras coisas que parecem até ficção científica.

Porém, legal mesmo é olhar para o que seria o futuro em épocas passadas. Se pegarmos os anos anteriores da exposição, não é difícil reconhecermos ali um ou outro conceito que nos faz lembrar de uma maneira bastante bizarra vários dos gadgets que já estão no mercado hoje. Você pode ver versões primitivas de coisas parecidas com o Google Glass, versões paleolíticas do kinect, celulares que se orgulhavam de pesar menos que um hambúrguer etc.

Gosto de pensar que essa cara que fazemos ao olhar pras fotos de 20 anos atrás, vai ser a mesma com que vamos olhar as de agora, quando for 2034.

Nota: Para quem não entendeu nada, na imagem acima está Susan Bach, demonstrando o Konami Laser Scope, um acessório para NES, na CES em 1990.

ces01
À esquerda, BOB, o robô assistente pessoal, em 1983. À direita, o Atari Mindlink em1984, uma tentativa da Atari de criar um acessório que controlasse o videogame fazendo uma conexão direta com o seu cérebro.

Brian Durwood
Virtual Vision Sport, óculos de realidade virtual para assistir seus esportes com o máximo de imersão. Esteve na CES em 1993.

Cellular Phones
Este senhor se orgulha do seu celular, que pesa menos que um hamburguer (é sério)

ODONNELL
Virtual Hoop, sistema de realidade virtual vô do Kinect, em 1996

 


publicado em 11 de Janeiro de 2014, 13:35
Avatar01

Luciano Ribeiro

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: