Estamos procurando um autor para escrever sobre saúde do homem no PdH! Topa? Mais informações aqui.

Diageo promove degustação com embaixador mundial da Smirnoff

Em plena terça-feira preguiçosa toca o telefone com um convite mais que exclusivo: um workshop sobre criação de drinks, com degustação da Smirnoff Black no estiloso bar da Diageo, em São Paulo.

Chegamos sedentos pra matar a enorme vontade de passar pra trás do balcão do bar e criar nossas misturas. Toda linha de produtos da Diageo ali bem diante de nossos olhos. Nada mal.

O samurai da coquetelaria.

Sempre simpático, Kenji – embaixador mundial da Smirnoff Black, lembram desse vídeo exclusivo dele? – nos recebeu com um largo sorriso acompanhado do Marcinho, embaixador da Smirnoff Black no Brasil. Marcinho em breve fará uma visita à coluna do Dr. Drinks.

Todos sentados para ouvir um dos maiores especialistas em vodka no mundo falar sobre processos de destilação, diferenças entre destilação de coluna e de alambique. Fechou com uma breve aula de composição de drinks baseada em um método patenteado pelo próprio Kenji.

Nos vimos entre amigos de longa data, o que aumentou exponencialmente a desinibição na hora de sorver shots e mais shots de Smirnoff nº 55 acompanhados de maçã com canela. Abertos os trabalhos, hora de meter a mão na massa, digo, no copo.

Diversas frutas, já picadas, alguns xaropes, iguarias e angosturas e o material pessoal do Kenji à disposição. Observei as criações de todos os presentes esperando seu momento de também brincar no parquinho, enquanto Felipe mandava ver numa caipiroska de amora e mirtilo. Liberado o espaço fui criar o sabor que julgava perfeito para o momento: um martini de limão siciliano com hortelã para dar mais acidez a sabor aveludado da Vodka.

Após a session, hora de voltar pro trabalho (do jeito que dava!) levando, além de uma experiência única, uma garrafa de Smirnoff nº55 de presente.

Cheers!


publicado em 09 de Julho de 2010, 13:50
63c64bb52a2d6969065166dcd39cd9b8?s=130

Junior WM

Um grande apreciador de história e histórias. Vive a vida de forma que seja lembrada como honrada e humana. Ama os prazeres da vida e sua família. Escreve sobre passar pelo mundo com dignidade e alegria. Contribui com a revolução digital por acreditar em seu caráter humanitário e num mundo melhor.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura