Entrevista com Cris Zimermann, a blogueira convidada a posar na Playboy - Parte II

  • Nossos atuais Mecenas:
  • 130x50 jpg
  • Asm selo png

Continuação da primeira parte da entrevista com Cris Zimermann, do Virtual Entrepeneur. Agora a conversa teve o foco nas mulheres e no crescimento do papel dos blogs como negócio.

mulher-blog
Se você pensa que as mulheres entendem somente de cozinha e jardinagem, está redondamente enganado.

Papo de Homem: Recentemente, temos visto grande crescimento dos blogs nacionais, com várias iniciativas que comprovam isso. A polêmica lista Blogosfera no Yahoo, o BlogBlogs, que despontou como nosso Technorati, o BoomBust, rede de blogs capitaneada pelo Wagner Fontoura. Você acredita que a blogosfera está unida ou os esforços ainda são muito dispersos?

A blogosfera se une quando é preciso e segue o fluxo de seus interesses individuais dependendo da ocasião. Nada mais justo e democrático.

Acho complicado querer unir todo mundo num ambiente que cresce tão rápido. Como em qualquer lugar, a blogosfera tem o time dos bons e dos maus elementos. Você escolhe de que lado quer ficar, de qual grupo participar. Errado e utópico é querer que todos se comportem da mesma maneira.

Penso também que os brasileiros precisam ser mais pragmáticos. Por aqui, muitas vezes, as coisas são como febre que dá e passa, várias pessoas começam um empreendimento e não terminam, ficam devendo em continuidade e finalização. Precisamos de mais identidade, afinal, se é para copiar o modelo americano, que ao menos haja autenticidade no processo.

O BlogBlogs tem mandado bem, é realmente um marco de nosso crescimento, isso sem contar que adoro o Manoel Lemos, sempre participativo e disposto a ajudar quem dele precisa.
Estou para conhecer melhor o BoomBust, mas só a coragem do Wagner Fontoura já merece reconhecimento.

Quanto à lista Blogosfera, não tenho participado por falta de tempo, será que ando perdendo muita coisa?

No geral, têm muita gente boa chegando, outras que estão despontando de forma surpreendente. Que prevaleça o respeito, esse é mais importante que a união.

Papo de Homem: Em sua opinião, os blogs estão preparados para atender as exigências do mercado?

Aqueles blogs que não são de um homem só, sim.

Blogs de um homem só restringem os que se autodenominam de probloggers (sem serem de fato blogueiros profissionais) a determinadas comunidades, não representam grandes veículos para o mercado, não atingem a globalização necessária.


Papo de Homem: E o mercado, está preparado para valorizar os blogs como ferramentas eficazes de marketing e publicidade?

O mercado estrangeiro sim. No Brasil os passos são mais lentos e talvez, pela própria inconstância do nosso povo seja mais difícil que o mercado brasileiro aposte massivamente nos blogs como ferramentas confiáveis.

É provável também que não tenhamos tempo suficiente para que o mercado nacional se utilize dos blogs, tem coisa nova chegando por aí.

E não adianta querer contrariar as regras, você precisa ter um histórico profissional atraente para firmar negociações. Precisa ser referência. Quem não tem um portfólio de realizações para apresentar não fecha acordos.


Papo de Homem: Ao pensar em blogs que estão faturando, temos nomes como Cardoso, Interney, Bruno Alves, Slonik, Celso Junior, Melo... todos homens. As mulheres estão com presença fraca nos blogs ou não têm o mesmo interesse pela grana?

Talvez as mulheres façam mais barulho na cama e por isso os homens resolveram gritar na rede. Existem mulheres faturando em silêncio e realizando seus papéis na blogosfera com ainda melhor desempenho do que os meninos.

Exemplos: Rosana Hermann, Denise Arcoverde, Samantha Moraes, Luiza Voll, Veridiana Serpa, Ester Beatriz, Dani Koetz, Patrícia Müller, a pioneira Bruna Surfistinha/Rachel Pacheco etc.
Prove que essas meninas não faturam muito mais que os escandalosos? Dentro e fora da web.


Papo de Homem: Os blogs, por serem conversações, são verdadeiros templos de rixas. Vira e mexe vemos blogueiros se jurando de morte e trocando farpas. Essas polêmicas fazem parte e ajudam os próprios blogs a construir sua identidade, ou apenas reforçam certa aura de imaturidade associada aos blogs?

Polêmica é diferente de rixa e pode ser saudável.

Rixas são desinteligências lamentáveis em qualquer âmbito. É sinal de que faltou diálogo e predisposição ao entendimento de ambas as partes.

As rixas destroem as imagens positivas dos blogs, servindo apenas para que identidades pouco confiáveis sejam reveladas. Comigo esses joguinhos imaturos não funcionam.

Estou lacrada para pessoas que se fazem de vítimas, pessoas do contra, pessoas para as quais nada está bom, pessoas que só sabem criticar, que precisam ter sempre a palavra final. Fica evidente a baixa credibilidade e auto-estima desses indivíduos que precisam apagar a luz do outro para acenderem as próprias. É brochante demais!


Papo de Homem: Com a notícia da Playboy, muitos blogueiros ficaram na expectativa de vê-la mais ‘à vontade’. Quem tem mais chance contigo, os geeks ou os sarados?

No momento, meu atual marido, um geek Inglês (made in England mesmo!) e sarado, ou seja, a combinação perfeita da diversidade que adoro.

Papo de Homem: Para finalizar, quais três sites recomendaria para os leitores da Papo de Homem?

Bom, já que citei em peso a mulherada, sugiro 3 super meninos, amigos do coração. E muito mais de 3 nos meus blogrolls ;)

Repórter Net

O Blogue do Jânio

Serendipidade

Papo de Homem: Foi um prazer conversar com você, Cris. Grande beijo e sucesso nos negócios!


publicado em 29 de Julho de 2007, 19:49
File

Guilherme Nascimento Valadares

Editor-chefe do PapodeHomem, co-fundador d'o lugar. Membro do Comitê #ElesporElas, da ONU Mulheres. Professor do programa CEB (Cultivating Emotional Balance). Oferece cursos de equilíbrio emocional e escreve pequenas ficções no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: