Existe homem com dois pênis? E três testículos?

Vamos investigar um pouco mais sobre esse grande mistério da humanidade

Tem dias que eu odeio a internet. Esse ambiente louco, cheio de gente gritando mais que em feira livre, cada um tentando vender seu peixe dos jeitos mais escandalosos. Tem treta, tiro, porrada e bomba pra todo lado e salve-se quem puder.

Mas, cara... tem dias que eu amo a internet. Você está ali, pulando de página em página, lendo uma coisa aqui, outra ali... tirinhas engraçadas, memes, gifs de bichos, páginas da Wikipedia com verbetes bizarros e, quando menos espera, descobre que existe homem com dois pênis.

Ok, pera... homem com dois pênis de verdade? 

Sim, de verdade. 

Segundo o Dr. Juliano Plastina, a duplicidade peniana ou difalia existe. É uma condição rara, aparece em um a cada 5 milhões de homens.

Na maioria das vezes é uma duplicidade incompleta, os dois pênis são grudados na base e apresentam duas glandes, porém, também pode acontecer uma duplicidade completa e o homem ter dois pênis propriamente ditos.

A difalia acontece por uma alteração na formação do pênis durante a gestação, gerando uma divisão no órgão antecessor, o que inicia a formação dos dois órgãos.

Na maioria das vezes, a difalia também está associada a outras más formações, como por exemplo, o homem pode ter duas bexigas. Essas más formações podem exigir também que o bebê tenha que sofrer cirurgias para evitar ainda mais problemas.

O Dr. Juliano Plastina explica com bastante detalhes as implicações nesse vídeo.

Link Youtube

Também nesse vídeo, ele fala sobre um adulto, um caso raríssimo, no qual ele tem dois pênis completos funcionais, inclusive, com vida sexual ativa!

Como é a vida com dois pênis

Curioso que sou quando estou no meu vórtex de buscas da internet, decidi caçar mais informação. Como é, afinal, a vida de um homem com dois pênis?

Ainda bem que existe o Google, que foi onde comecei meu garimpo.

O homem adulto com dois pênis funcionais, citado pelo Dr. Juliano, é americano, se identifica como DoubleDickDude e abriu uma sessão de perguntas e respostas no Reddit (pra quem não sabe, o forunzão de onde sai praticamente tudo que a gente vê na internet todos os dias). Obviamente, o subreddit bombou, com inúmeras perguntas, as quais ele respondeu abertamente.

Dá pra urinar com os dois ao mesmo tempo? Segundo ele, dá.

E gozar? Também.

Como que transa? Dá pra fazer todas as posições? Ele diz que a namorada e o namorado (sim, ele se diz bissexual e parte de um relacionamento poliamoroso) aguentam os dois ao mesmo tempo, mas que com parceiros e parceiras mais apertados, não é tão fácil.

Como é a reação quando ele põe os dois pra fora? Deixo vocês com as palavras do DoubleDickDude.

"Varia de garota pra garota. Algumas ficam "WOW". Algumas são mais "ISSO É FAKE". Outras surtaram, me xingaram. Muitas são bem curiosas, mas eu não faço mais sexo casual, parei alguns anos atrás. Eu não gostava do vazio interior depois de um lance de uma noite só. Fiz muito disso quando era mais novo. MUITO. Mas na maioria, as garotas ficavam nervosas e algumas mudavam de ideia no último minuto. Os caras NUNCA mudavam de ideia, eles sempre queriam, mesmo se surtavam um pouco. lol"

Com o gosto da internet por histórias fora do comum, não é se espantar que a repercussão tenha sido gigantesca. Foi tão grande que o DDD, inclusive, lançou um livro, contando a história da própria vida, sobre o bullying que sofria e dando detalhes sobre a sua doença. 

Mas, como na terra da internet, tudo tem (no mínimo!) duas versões, há muita gente que não acredita no DDD, afirmando que suas fotos são fake, seus relatos são a mais absoluta loucura e que ele nunca ter feito um vídeo mostrando os dois paus é evidência mais do que suficiente de que tudo o que ele diz é a mais deslavada mentira. Depois de tudo o que li, acho que concordo.

Existe também homem com três testículos!

Bem, se você viu todo o vídeo do Dr. Juliano, já sabe dessa informação. Se você não viu e preferiu ler meu texto primeiro (obrigado!), agora vai ficar sabendo. 

Más formações durante a gestação também podem gerar homens com nenhum, um, três ou até quatro testículos!

Vamos começar por quem não tem testículos ou veio com um faltando. 

O Dr. Juliano explica que existe algo chamado criptorquidia, que acontece quando, durante os últimos meses de gestação, os testículos, que estão se formando no interior do abdômem, acabam não migrando para o saco escrotal. Assim, fica uma aparência de que só há um ou nenhum testículo. Porém, na realidade, eles apenas estão ocultos. 

Algumas crianças nascem com essa condição, mas o testículo acaba descendo durante o primeiro ano de vida. Em outros casos, não, de forma que torna-se necessário procurar por ele e colocar no devido lugar, o que pode ser feito por cirurgia.

Quando isso não é feito, corre-se o risco de atrofiar e ocorrer a perda do testículo.

Um outro problema é que, dentro do abdômem, o testículo não funciona, não produz hormônio e nem espermatozóides.

Bem, o terceiro testículo funcionante, segundo o Dr. Juliano, é raríssimo, há menos de 150 casos documentados. O que vemos por aí, na verdade, é fake news. Não são testículos propriamente ditos. O que acontece é a formação de cistos que podem ser tão grandes que parecem um outro testículo. Assim, a pessoa pode ter até quatro "testículos". 

Ainda de acordo com o que ele afirma, esse cisto não causa maiores problemas, não afeta a vida sexual e reprodutiva, mas pode incomodar. Por isso, a maioria das pessoas os retira. 

* * *

Pois bem, senhoras e senhores, isso foi o que descobri no episódio de hoje. Homem de dois pintos e três testículos existe, mas não é bem o que a gente imagina. Sempre procure a fundo, não se deixe levar pela primeira olhada em imagens. E histórias fantásticas, por mais legais que sejam, provavelmente são fake.

Estou aqui, encerrando meu texto e, posso dizer: por mais maluco que pareça, às vezes compensa pagar o boleto da internet.


publicado em 22 de Março de 2018, 10:46
Avatar01

Luciano Andolini

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Facebook e Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura