A conversa sobre paternidade é uma das mais importantes do nosso tempo. Venha para o PAI: Os desafios da paternidade atual, discutir e colocar em prática o tema.
Compre já o seu ingresso!

Faça um café da manhã nutritivo | Ignição #2

Toda semana vamos sugerir ações práticas acessíveis, para que você possa sair da inércia.

Nota: se você se propôs a fazer o primeiro experimento com o Ignição, sobre arrumar o quarto, sugerimos que relate a sua experiência no post original. O que deu certo, o que deu errado, quais suas dificuldades e insights que possam ter surgido. Vamos centralizar a discussão nos respectivos posts e enriquecer o experimento pra quem for topando os desafios, beleza? 

* * *

Começamos na semana passada a Ignição, ou seja, esta coluna que agora vocês leem. :)

Não poderíamos esperar um início mais promissor. No momento que escrevo, dei uma olhada e já temos mais de 70 comentários por lá!

Um monte de gente se propôs a realizar o experimento e relatar os efeitos na mente e no corpo, os obstáculos, o sucesso ou o fracasso. Bonito demais!

Acredito que não é à toa esse engajamento todo. Em geral, os e-mails e mensagens que recebemos de homens em crise são variações de dois problemas: solidão e estagnação.

Não importa muito a origem da questão, se é por apatia, uma educação conturbada, falta de um modelo masculino... sair desse processo vai demandar algum esforço de organização da vida, um pouco de disciplina e, claro, incentivo e apoio.

É exatamente aqui que entra a coluna Ignição.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa.

Prática da semana: fazer um café da manhã nutritivo por uma semana

Super simples, né?

Nesses links tem algumas boas ideias:

Claro, você pode variar e fazer o que achar melhor. Porém, é importante que seja algo nutritivo, benéfico pro corpo.

Também é essencial fazer por um certo período de tempo, pois há chances de você só sentir fome ou mal estar da primeira vez, por estar habituado a não comer nada ou a comer qualquer coisa que pese e bagunce o corpo. Sugerimos uma semana, pra dar pra ouvir o corpo, testar e encontrar a melhor configuração pra você.

Outro ponto importante: não engula a comida apressadamente. Organize-se para comer com calma.

Ou seja: o contrário disso.

Por que diabos fazer um café da manhã nutritivo?

Há suas exceções, óbvio, mas muitos homens crescem em um ambiente no qual eles se habituam a esperar que o mundo ao redor se mobilize para servir ou facilitar sua vida.

Há uma tonelada de homens que estão completamente acostumados a esperarem os pais, mães, irmãs mais velhas, diaristas ou até mesmo esposas e namoradas exercerem um papel semelhante ao de uma babá, cuidando de todos os detalhes da sua rotina, servindo-os como se ele ainda fosse uma criança ou bebê.

Claro, nada errado com cuidado, carinho e amor (não vamos também começar a culpar os outros por isso, né?). Mas algumas vezes, quando isso é levado para a vida adulta, o resultado é um homem dependente, frágil, que não se levanta para tomar as rédeas do seu espaço, do seu trabalho, das relações, enfim... da vida. 

Há casos também quando a pessoa está em um determinado nível de bagunça que ela acorda no susto, atrasada e relega a alimentação a segundo plano. Assim, ela pula o café da manhã ou come rápido qualquer coisa e de qualquer jeito. Esse descuido tende a se espalhar para outros aspectos da vida.

Fazer um café da manhã demanda um certo esforço de planejamento, disciplina e organização. Você vai precisar liberar tempo para não sair simplesmente engolindo a comida com pressa. Também vai ter de pensar com antecedência o que manter na geladeira e na dispensa, pra não criar um estorvo na sua rotina. 

Há o benefício direto para o corpo. Você vai ter de criar uma camada que pensa no corpo como um mecanismo que precisa de cuidados - e vamos convir, é exatamente o que ele é.

Cuidar da alimentação, mesmo que só uma refeição no dia, é preparar o seu corpo para operar com a máxima capacidade. Pensando nisso e agindo, você começa a parar de andar com o freio de mão puxado

Quem topa o desafio? Manifeste-se nos comentários!

Aguardo os relatos!

* * *

O que é a coluna Ignição?

Resumindo: queremos iniciar processos de transformação por meio de ações práticas.

Aqui no Papo de Homem temos trocentos textos filosofentos falando de tudo. Agora, vamos pra outra abordagem.

Menos papo, mais ação.

Você está perdido e não sabe o que fazer da vida? 

Aqui vamos oferecer um ponto de partida, ações simples que você possa usar como um aquecimento, que coloque seus "músculos" no ponto para você gradativamente começar a lidar com seus problemas de frente.

Como funciona?

Toda semana vamos sugerir ações práticas acessíveis, para que você possa sair da inércia.

Depois, pedimos que venham aqui no artigo e relatem, em detalhes, como foi a experiência. Vale qualquer coisa, inclusive e principalmente, se der tudo errado, pois é nessas horas que a gente precisa de apoio e a coisa de termos uma comunidade mais vai fazer sentido. Nos colocando em movimento vamos começar a descobrir irmãos, amigos, enfim, parceiros de transformação.

Com o tempo, vamos cultivar uma rede de parceiros, dispostos a transformar suas vidas e também conversarem sobre o processo todo como uma forma de se incentivarem e se apoiarem. 

A Ignição é incrível, onde encontro os experimentos anteriores?

Muito fácil! Basta entrar na coleção Ignição.


publicado em 23 de Maio de 2018, 00:10
Avatar01

Luciano Andolini

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Facebook e Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura