A conversa sobre paternidade é uma das mais importantes do nosso tempo. Venha para o PAI: Os desafios da paternidade atual, discutir e colocar em prática o tema.
Compre já o seu ingresso!

Fotos aleatórias viram poster dos melhores filmes que você nunca vai ver

Desconstruir um pôster de cinema ode, primeiro, fazer brotar o sentimento de frustração. Um cara do reddit pega fotos comuns e transforma em pôster de filmes que nunca existiram. Daí você olha um cartaz pronto, com aquele monte de palavrinhas e símbolos de festivais, com aquela frase poderosa e um título potente e se lembra que ele era, inicialmente, uma simples foto.

Mas daí a gente começa a reparar no oposto, que uma foto vai, com aquele pequeno esmero, se transformando em um poderoso cartaz que precisa chamar atenção nos cinemas. E começa a magia.

Vai pegando os filmes que você mais gosta, comece a rever seus pôsteres, vai imaginando que eles pegaram um frame daquele pedaço foda ou pensaram em juntar aquelas pessoas juntas ou mostrar aquele cenário por algum motivo da trama. Não sei vocês, mas quando vi, eu tava imerso em possibilidades.

E a criatividade que vai aguçando. Ver esses pôsteres é começar a imaginar qual seria a história por trás de cada filme desses que nunca será produzido. Mais ainda, começa a pensar que personagens cada ator e atriz selecionado nos pôsteres faria um papel. Que personagens eles teriam?

Cara, dá pra ir longe. Veja e me diga:

Dá pra ver mais trampos dele lá no Reddit. Eu vi no site Os Criativos.


publicado em 13 de Abril de 2016, 00:00
13350456 1045223532179521 7682935491994185264 o

Jader Pires

É escritor e colunista do Papo de Homem. Escreve, a cada quinze dias, a coluna Do Amor. Tem dois livros publicados, o livro Do Amor e o Ela Prefere as Uvas Verdes, além de escrever histórias de verdade no Cartas de Amor, em que ele escreve um conto exclusivo pra você.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura