Fuckmusic.fm, nosso mais novo rebento do PdH Labs

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Vivara130x50 jpg
  • Selo dorel jpg

Leitores mais sagazes já notaram como nosso ecossistema tem expandido, fruto das empreitadas PdH Labs:


  • PdH.co | o não-encurtador de links

  • Apimentadas | tumblr com as mais deliciosas da web. queremos torná-lo uma plataforma com ensaios originais do PdH, ainda esse ano. adiantamos, nosso tipo de mulher não é "fruta", elas são ácidas, inteligentes e gostosas.

  • Não. Porra. | um guia prático de etiqueta para emails

Atacamos questões representativas de nossos próprios anseios e vontades. Na prática, desenvolvemos o que gostaríamos de usar. E identificamos uma área digna de nosso esforço.

O Problema

A busca por "fuck music" no Google retorna aproximadamente 85.400 resultados.

Costumamos nos esquecer de 99.9% destes quando surge o momento da foda. Quando nos lembramos, em 0.1% dos casos, não temos tempo para gravar um CD por insuficiência sanguínea no cérebro.

A Solução

Fuckmusic.fm

Uma curadoria com músicas perfeitas para o sexo. Uma plataforma acessível globalmente, destinada a unir os amantes da boa música e da cópula desenfreada.

O projeto está em beta. Não mostra nome da música que está tocando, não permite o envio de novas músicas ou qualquer outra firula de engajamento social. Lançamos rápido mesmo, é nosso presente de Carnaval para todos vocês, putada. Melhorias em breve. Dentre elas, novas playlists como "After shaggin´" e "Fuck like an animal".

Portanto, estamos em busca de beta-testers. Leia-se, precisamos que transem usando o Fuckmusic para nos dizer o resultado. Missão árdua, não?

A nova faxineira do QG do @papodehomem
Posso ser sua dupla de beta-testing, leitor?

É isso. Feedbacks serão muito apreciados. Sugestões de músicas devem ser enviadas para o fuckmusic@papodehomem.com.br .

PdH, espalhando amor pelo mundo...


publicado em 03 de Março de 2011, 17:24
File

Guilherme Nascimento Valadares

Editor-chefe do PapodeHomem, co-fundador d'o lugar. Membro do Comitê #ElesporElas, da ONU Mulheres. Professor do programa CEB (Cultivating Emotional Balance). Oferece cursos de equilíbrio emocional e escreve pequenas ficções no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: