Como se transforma a paternidade no Brasil? Faltam apenas 4 dias para o PAI: Os desafios da paternidade atual.
Compre já o seu ingresso!

Jasper Benincasa | Homens que você deveria conhecer #27

Nunca pensei em escrever um texto desses sobre Jasper, uma pessoa desconhecida em praticamente todos os meios. Mas esse homem é popular na minúscula comunidade do Bodyweight Training (treino com peso do corpo), que foi inspirada durante muitos anos pelos feitos dessa verdadeira lenda.

Poucas coisas foram divulgadas sobre a vida pessoal de Jasper Benincasa, mas o que podemos dizer é que o atleta teve todo o seu tempo inteiramente dedicado a fazer coisas que nenhum outro homem no mundo jamais conseguiu. Jasper morreu no dia 6 de Janeiro desse ano, aos 90 anos de idade, depois de lutar contra um câncer.

O nome disso aqui é "Back Lever com peso extra". Sussa, né?

O seu primeiro feito de força considerado como algo sobrenatural foi aos 17 anos, quando fez 130 barras seguidas. Depois disso, decidiu que não faria mais barras sem algum peso extra pendurado no corpo. Era entediante.

Sua paixão era fazer barras com apenas um braço ("One Armed Chinup" ou OAC), era capaz de fazer 19 repetições seguidas com o braço direito e 18 com o esquerdo. Em 1948, fez um OAC enquanto segurava uma criança de 37kg com seu braço livre. Aos 40 anos fazia 50 OACs alternados. Muitos dizem ter visto ele fazendo mais de 3 series com 40 repetições, trocando entre um braço e outro a cada repetição. É quase impossível imaginar um alguém com toda essa força.

Era bem comum, pela similaridade, associarem seus feitos de força aos exercícios praticados por ginastas, mas ele era categórico:

"Ginastas usam impulso, eu gosto de movimentos de força porque são puros".

Suas proezas absurdas não se limitam a barra fixa. Jasper subia cordas como ninguém. Antigamente, subir cordas era considerado um esporte como qualquer outro, com seu treinamento específico e suas próprias competições.

Em uma competição no YMCA (sem trocadilhos, senhores) em 1948, subiu uma corda de 6 metros em 2.4 segundos. Mas não venceu a competição. Jasper esqueceu de bater na marca indicada e sinalizar a vitória. O recorde na época era 2.8 segundos. Jasper também subiu uma corda com uma pessoa de 67kg amarrada em suas pernas.

Em um evento no Madison Square Garden, o atelta subiu uma corda na posição de Front Lever. Dezenas de pessoas também afirmam já terem visto Jasper subir uma corda utilizando apenas um braço, obviamente sem o auxilio das pernas.

Outros de seus feitos impressionantes foram uma Cruz em argolas de ginástica utilizando apenas um dedo de cada mão, e um front lever com apenas um dedo.

Mas foi outro mérito que eternizou Jasper Benicasa como sendo um dos homens mais fortes do mundo: o Close to Impossible, que provavelmente se chamava apenas Impossible, antes dele conseguir se sustentar por aproximadamente 3 segundos nessa posição:

 

"Hey, Joe. Acho que a gente vai ter que trocar o nome desse troço aí"

Quando perguntado com que freqüência treinava, respondeu em sua simplicidade:

"Eu treinava sempre que podia. Trabalhava como operário de construções e, quando estava cansado de trabalhar, fazia barras por toda extensão dos andaimes, alternando de um braço para o outro. Minha esposa nunca entendeu porque eu chegava tão cansado em casa".

Jasper Benincasa fez sua última barra com um único braço aos 89 anos, duas semanas antes de ser internado.


publicado em 27 de Fevereiro de 2012, 21:10
12596172 10153389055960906 1551523976 n

Alberto Brandão

É analista de sistemas, estudante de física e escritor colunista do Papo de Homem. Escreve sobre tudo o que acha interessante no Mnenyie, e também produz uma newsletter semanal, a Caos (Con)textual, com textos exclusivos e curadoria de conteúdo. Ficaria honrado em ser seu amigo no Facebook e conversar com você por email.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura