Estamos procurando um autor para escrever sobre saúde do homem no PdH! Topa? Mais informações aqui.

Poker Online - dá pra ganhar dinheiro? - Parte II

Comecei a escrever o primeiro artigo desta série com um cacife de 8 dólares, mais ou menos, sendo que dois estavam na mesa em que eu estava jogando. O desafio era recuperar a grana perdida chegando aos 15 dólares e, em seguida, aumentar meu bankroll até pelo menos 20 dólares, quando eu tentaria subir de nível nas mesas.

Segue um breve resumo - quase um tutorial - do que aconteceu. Esse artigo está recheado de dicas práticas sobre o poker online. Você aprender agora que não é um jogo de sorte e sim de habilidade.

Caso não entenda algo, deixe sua dúvida nos comentários para ser esclarecida.

Bankroll inicial: 2 dólares na mesa e US$6,19 no banco

obs: você pode clicar nas imagens para ampliá-las e ver os dados e detalhes de cada jogada ;D

o-inicio

Sento à mesa e espero que os blinds cheguem em mim para começar a jogar. Eu poderia pagar pra começar imediatamente mas, como o dinheiro é curto, prefiro gastar o mínimo possível.

01

Começo a jogar e as mãos não estão ajudando. Gasto uma graninha pagando os blinds, mas não vem nenhuma mão boa. Sem se abalar. A estratégia aqui é confiar nas estatísticas e seguir até que venha a mão que preciso.

03

A primeira mão razoável que vêm é JK offsuit (J é o valete, K é o rei, offsuit indica que as duas cartas são de naipes diferentes). Não era tão forte quanto eu gostaria, mas como eu estava bem posicionado decido jogar com esta mão. As apostas são consistentes quando decido jogar com a mão que tenho: nunca entro somente pagando o blind, sempre entro agressivo, apostando 4 big blinds (no caso, 40 centavos).

O fato de nunca entrar pagando o blind, mas somente apostando, aumenta suas chances de ganhar, pois cada vez que você faz uma aposta, existe a possibilidade de os adversários fugirem e você ganhar todo o dinheiro da mesa sem nem precisar mostrar as cartas. E ao apostar sempre o mesmo valor quando tiver uma mão boa garante imprevisibilidade.

Se você apostar menos dinheiro quando a mão não for tão boa você dá ao adversário uma chance de ler sua jogada. O objetivo aqui não é ficar rico com uma mão, mas ganhar dinheiro da maneira mais segura possível.

04

Nesta mão com JK offsuit eu fui de All In assim que o flop abriu K99. O objetivo é de retirar da jogada os adversários que estão “esperando alguma carta aparecer”. Apenas um dos 3 oponentes pagou o all-in, e as duas cartas seguintes são dois setes.

Caso eu não tivesse feito a aposta agressiva após o flop, mais adversários poderiam ter continuado na jogada, e com 4 jogadores as chances de alguém ter um 7 ou um 9 na mão são bem altas, o que teria formado uma trinca e derrotado facilmente minhas duas duplas.

Lição da vez

Se você tem cartas, não deixe seus oponentes verem mais cartas de graça; obrigue-os a pagar para ver as cartas seguintes. Nesta mão apostei os $2,10 que eu tinha na mesa e, ao ganhar, meu cacife subiu para $4,75.

05

Os folds (fugir) são as jogadas mais freqüentes, a fim de se esperar uma mão boa. Você paga uma graninha em blinds, mas acaba valendo a pena.

06

Segunda mão razoável: 99 (um par de noves na mão. Obviamente offsuit, já que só existe um nove de cada naipe). Minha posição na mesa não era tão boa, eu estava agindo antes da maioria dos jogadores, mas como eles estavam jogando preguiçosamente, decido seguir com a mão.

Faço a aposta básica de 40 centavos (4 big blinds) e apenas um oponente paga. Excelente. O flop vêm T8Q com dois diamantes (T se refere ao dez, Q é a dama). O flop não me ajudou muito, já que deu ao meu adversário duas possibilidades de pares maiores que o meu (par de dez e par de dama). Eu tenho um par de noves e um straight draw (possibilidade de uma seqüência, caso apareça um Valete), não é um jogo muito bom para se estar apostando. Eu dou check (não aposto nada) e pretendo fugir se o adversário apostar.

07

Aqui foi o erro dele

Ele fez uma aposta muito baixa. Na mesa havia 95 centavos, ele fez uma aposta de 23 centavos aumentando o montante para 1,18 e eu precisava pagar apenas 23 centavos para ver a próxima carta que, caso fosse um nove ou valete, me colocariam como favorito na jogada.

Caso a aposta dele tivesse sido mais significativa em relação ao que havia na mesa (na mesa havia quase 1 dólar), caso ele tivesse apostado 90 centavos ou mais, eu teria fugido. Abre um nove, me dando uma trinca, eu continuo jogando dando check, a fim de o meu adversário pensar que ainda não tenho nada e continuar liderando as apostas de maneira conservadora.

Ele aposta 70 centavos, eu pago. Abre a última carta, um Ás. Eu sei que sou favorito com minha trinca, mas não faço apostas pois tenho medo dele ter uma seqüência. Ele segue meu check e eu ganho a mão. Mais uma bolada.

Dois Reis, agora sim vou limpar esses patos

Finalmente uma mão BOA: KK (par de reis na mão). Faço a aposta básica de 40 centavos e apenas um adversário paga. Muitos jogadores ficam meio frustrados ao verem os adversários correrem, pois querem ganhar o máximo de dinheiro de uma vez, mas esse pensamento é ambicioso demais. Quanto menos jogadores na mesa, menores as chances de alguém formar um jogo que ganhe do seu.

11

O flop vem 377 e eu tenho um overpair (overpair é quando eu tenho um par na mão que é mais alto do que qualquer um dos pares possíveis na mesa). Apesar da possibilidade da trinca de setes, eu sigo apostando confiante, já que só tenho um adversário jogando.

Esta segunda aposta é aproximadamente o montante que têm na mesa, 90 centavos. O turn abre um 5, eu ainda sou o grande favorito mas dou check a fim de testar a agressividade do meu oponente. Ele segue meu check.

A última carta que vem é um nove, eu sou o favorito disparado e faço mais uma aposta baseada no montante na mesa, que agora é de 2,50. Meu adversário tinha pouco dinheiro, e isso força ele a dar um all-in para continuar no jogo. A intenção era que ele fugisse, mas ele paga o all-in e perde, o que joga meu cacife para $8,97.

09

Surfando a onda

Eu, agora, já tinha uma graninha recuperada, e decido entrar em alguns jogos com mãos apenas razoáveis. Entrei em uma onde eu tinha A7 suited (Ás e sete do mesmo naipe). Antes do flop aposto 40 centavos e duas pagam, sendo que uma delas teve que fazer um all-in pra pagar.

Isso me deixa mais tranqüilo, pois sei que o que deu all-in não tem como aumentar a aposta depois. O flop vem 4AK com apenas uma carta de copas, que era o naipe do meu ás e sete. Isso me dá o melhor par (Ás) com um kicker ruim (kicker é a carta que desempata o jogo se mais de um jogador tiver o mesmo jogo; no caso eu tinha um sete como kicker).

10

Como só temos um oponente podendo apostar (o outro está de all-in) eu decido seguir apostando pois acho que meu jogo é melhor que o dele. Ele paga a aposta, abre uma dama de copas.

Embora as possibilidades de dois pares começam a me desfavorecer, eu continuo com o maior par e, com esta dama de copas, tenho a possibilidade de fazer um flush (5 cartas do mesmo naipe, sem necessidade de estarem em seqüência) com meu ás, o que seria o jogo mais forte possível nessa mesa. Sigo apostando agressivamente, meu oponente paga a aposta, abre mais uma carta de copas. Eu tenho meu flush (e, consequentemente, a vitória garantida). Faço mais uma aposta agressiva, meu primeiro oponente foge e o segundo estava de all-in. Mostro o flush e levo o dinheiro da mesa. Com isso, meu cacife sobe para quase dez dólares.

A última boa

A última mão boa que vem antes de terminar a jogatina de hoje é um JJ (par de valetes na mão). Como estou no big blind sou o último a agir, e quatro jogadores pagam o blind de 10 centavos, nenhum aumentando a aposta, o que indica que nenhum deles deve ter uma mão muito forte. Como já havia mais dinheiro na mesa agora, minha aposta ideal seria de mais de 40 centavos... talvez 60 ou 70, mas decido apostar 40 para trazer o maior número de oponentes que puder.

11

Apenas um oponente paga. O flop vem 2KJ com duas cartas de copas, o que me dá uma trinca e me coloca como favorito na mesa. Decido ir de check, com esperanças do meu oponente pensar que não tenho nada e tomar a iniciativa agressiva, mas ele segue meu check. Sinto que meu oponente não tem porra nenhuma e vai correr assim que eu fizer uma aposta decente.

12

A carta seguinte é um Ás de diamantes, abrindo possibilidades de um straight (seqüência), eu aposto 20 centavos para testar meu oponente mais uma vez e ele somente paga meus 20 centavos.

Em seguida vem um 5 de copas. Eu tenho uma trinca de valetes, meu oponente tem duas possibilidades de ganhar: uma seqüência de 10 a Ás – o que é improvável, caso contrário ele teria aumentado minha aposta anterior de 20 centavos – ou um flush de copas. Em ambos os casos ele precisaria usar as duas cartas da mão e o montante na mesa era de quase 3 dólares, então decido fazer uma aposta agressiva de 2,10 e ele foge, deixando o pote para mim.

13

Dever cumprido

Com essa mão meu cacife sobe para mais de 10 dólares, eu recuperei a grana perdida inicialmente e meus adversários entram cada vez menos nos meus jogos. Decido sair desta mesa e ir para outra.

Não vou relatar as mãos da outra mesa, mas seguem a mesma estratégia das mãos que citei aqui. Entrei com 2 dólares na mesa e saí com 8. Ao total foram pouco menos de duas horas de jogo e meu bankroll subiu de 8,19 dólares para mais de 22 dólares. O objetivo deste artigo foi cumprido, e no próximo artigo vou me aventurar em um limite um pouco mais alto.

fim-da-parte-1

Para começar a se divertir no Dave´s Poker Room

Baixe o software aqui
Mas leia esse texto aqui antes para pegar algumas dicas e não virar comida de tubarão

publicado em 22 de Outubro de 2007, 19:30
32fca473cce798759d841fc4ceea04a9?s=130

Lucas Cerro

Lucas não imagina mais como seria a casa perfeita, ou a namorada perfeita ou o carro perfeito. Não acredita mais nisso de ter ânsia por um futuro premeditado. "A vida é o que acontece enquanto se faz planos pro futuro", já disse um sábio. E o plano é aprender com cada passo.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura