Pros diabos com a feiosa da Susan Boyle!

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Vivara130x50 jpg
  • Selo dorel jpg

Querem uma lição de ‘não julgue o livro pela capa’? – Conheçam Sasha Grey.

A californiana de 21 anos surpreende a cada história, a cada revelação e se mostra mais, muito mais, do que achamos a princípio (se é que isso era mesmo possível).

Foto 1

Julgamento errôneo 1 – a aparência.

Mirradinha e com carinha de menina-boneca. Sasha Grey tem a delicadeza na pele e nos lábios que parecem sempre estar fazendo biquinho. Tem os olhos confiantes e o narizinho extremamente desenhadinho, fechando bem com o desenho macio das bochechas arredondadas. Uma fofura de dar gosto. Mas não se engane como muitos já se enganaram.

Sasha é atriz. Pornô. Sim. Pornô.

E dos pesados. Gosta de loucuras e fez sua estréia pedindo, no meio do ato, um soco no estômago. A garota aguenta o tranco e ainda por cima gosta. E muito.

Já ganhou prêmios a dar com pau (juro que o trocadilho não foi intencional) das mais renomadas organizações de entretenimento adulto e montou a própria produtora, o que demonstra um puta talento pra dar certo, visto que a mocinha começou no mundo pornográfico com 18 anos, ou seja, em três anos ela já ganhou o mundo da sacanagem.

Foto 2

Julgamento errôneo 2 – a profissão.

Não saia achando também que, por se tratar de uma atriz pornô, nossa pequena Sasha se enquadra no padrão ‘burra-delicinha-festeira-coelhinha-hollywood-girl’. A garota é espertinha que só. A começar pela alcunha.

Sasha Grey é seu nome artístico (o verdadeiro se mantém em segredo). Sasha vem do primeiro nome da banda de rock industrial alemã KMFDM, enquanto o Grey ela pescou da Escala Kinsey de sexualidade. Pensou que era mole né. A gata curte o som da pesada, é coempresariada por ninguém menos que Dave Navarro (ex Red Hot Chilli Peppers e Janes Adiction), é amiga do líder do Smashing Pumpkins, Billy Corgan, e lançou em janeiro desse ano um álbum com seu projeto de música eletrônica, o aTelecine. Tá bom ou quer mais?

Foto 3

A gente dá mais [ou ‘Julgamento errôneo 3 – a carreira’].

Sasha Grey não quer ficar só no pornô não e aproveitou todas as conexões que tinha para provar que é mais. Foi parar nas telas do cinema. Não o pornô. O de Hollywood mesmo.

Steven Sodenbergh (que já ganhou Oscar, Palma de ouro em Cannes, BAFTA e tudo mais que é prêmio legal do cinema), diretor de Traffic, Onze Homens e um Segredo (e suas sequências), filmou o controverso ‘A Girlfriend Experience’, que conta a história de uma garota de programa de luxo (interpretada, claro, pela nossa linda Sasha).

O filme já deu o que falar no quesito preconceito (uma determinada marca de Vodca patrocinaria a festa de lançamento do filme e desistiu quando soube das atividades da atriz protagonista), mas ainda não foi lançado para que crítica e público pudessem dizer mais sobre o filme e sobre a atuação da menina mirradinha que enganou todo mundo com sua aparência juvenil e sua aparente profissão superficial, mostrando-se uma mulher perigosa e que, pouco a pouco, vai conquistando o mundo. Segue o trailer do filme.

link trailer

E depois falam que a Susan Boyle é que é surpreendente...


publicado em 01 de Julho de 2009, 13:05
13350456 1045223532179521 7682935491994185264 o

Jader Pires

É escritor e colunista do Papo de Homem. Escreve, a cada quinze dias, a coluna Do Amor. Tem dois livros publicados, o livro Do Amor e o Ela Prefere as Uvas Verdes, além de escrever histórias de verdade no Cartas de Amor, em que ele escreve um conto exclusivo pra você.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: