Qual o custo de construir uma Estrela da Morte?

Entre comemorações e críticas a respeito do retorno do elenco original de Star Wars para o novo episódio, a apreensão tomando conta quando anunciam a finalização do roteiro e a eterna desconfiança a respeito do lançamento de um filme para a série, alguém sugeriu (e conseguiu o apoio de mais de 25.000 pessoas) para o Obama que ele construísse uma Estrela da Morte.

Para os hereges que nunca viram Star Wars: Uma Nova Esperança, a Estrela da Morte é uma estação espacial bélica com poder de fogo suficiente para destruir um planeta inteirinho. Ela representa, no universo de Star Wars, a maior empreitada do imperador Palpatine em sua política do medo.

Como tudo que permeia os filmes, a Estrela da Morte, dada sua grandiosidade megalomaníaca de utilidade (e verossimilhança ) duvidosa, muitos já se perguntaram sobre detalhes de sua estrutura.

O pessoal do Nerdologia (aliás, se você ainda não está acompanhando o canal, não deixe de fazê-lo agora) fez um vídeo bem legal, mostrando os recursos necessários para construí-la, considerando a hipótese de que o Obama aceitasse a ideia:

Link Youtube

Achei tão genial que estou aqui compartilhando.

Além disso, tem também os vários materiais de pesquisa que eles compilaram, linkados na descrição do vídeo, mas que coloquei aqui também:

Apesar de sua escala, a Estrela é o símbolo do início da decadência do Império. A derrota na Batalha de Yavin (como é chamada a ocasião na qual a Estrela da Morte foi destruída) representou um duro golpe que empoderou a Aliança Rebelde e a colocou em uma posição de ameaça real, não apenas uma pequena insurreição.

Afinal, o que eles destruíram não foi apenas a maior estação espacial existente até então, como também a construção mais cara que poderia ser concebida naquele universo, que custaria o equivalente a R$1960 quatrilhões (13.000 vezes o PIB da Terra) e que, apenas para ser varrida, consumiria cerca de R$1,662 trilhões.

Parece muito para nossa escala de pensamento na Terra, mas se considerar o fato de que o Império tem milhares de planetas dos quais arrecada impostos, talvez isso não represente tanto assim para eles.

De qualquer forma, dada a dificuldade técnica da execução do projeto e eventuais custos não-financeiros, como as constantes ameaças rebeldes e atentados, além do deslocamento de pessoal e manutenção, é bastante triste para o Império que um fazendeiro tenha conseguido destruí-la por causa de uma instalação de tubos de baixa qualidade.

E isso, para aqueles que adoram pensar demais nas coisas, traz algumas perguntas não respondidas. Em especial, acho bem divertido esse mini-documentário sobre a conspiração ao redor do maior ataque terrorista de Star Wars. Uma narrativa que é bem familiar.

Link Youtube

Com todos esses custos e contras, Obama decidiu negar a petição para a construção da Estrela da Morte. O imperador Palpatine, entretanto, decidiu construir outra ainda maior, algum tempo depois.


publicado em 24 de Janeiro de 2014, 06:41
Avatar01

Luciano Ribeiro

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura