Quando a arte choca

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Vivara130x50 jpg
  • Selo dorel jpg

Mark Jenkins é um artista americano e ficou bem conhecido com suas obras feitas com embalagens, em que ele utiliza os plásticos para criar seres que acabam interagindo com o ambiente:

embalagens1
embalagens2
embalagens3
embalagens4
embalagens5

Fora isso, o artista de rua também trabalha com a inventividade de "chocar" as pessoas com peças basicamente feitas com manequins colocadas para também interagir com o ambiente, mas, por se parecer muito mais com uma pessoa, causa o susto inicial  a impressão de ver algo fora do cotidiano, da realidade habitual.

Uma espécie de realismo fantástico feito com bonecos.

O legal é que esse tipo de arte simples e engenhosa é que, por mais simples que ela possa parecer, acaba tocando em diversos pontos como a atenção, empatia, reflexão social e cultural, lucidez.

Um milhão de pontos em um único ser inanimado no meio da rua.

mark1
mark2
mark3
mark4
mark5
mark6
mark7
mark8
mark9
mark10
mark11
mark12
mark13
mark14
mark15
mark16
mark17
mark18
mark19
mark20
mark21
mark22
mark23
mark24
mark25
mark26
mark27
mark28
mark29
mark30
mark31
mark32

E aí? O que essas imagens te passam?


publicado em 07 de Novembro de 2013, 08:00
13350456 1045223532179521 7682935491994185264 o

Jader Pires

É escritor e colunista do Papo de Homem. Escreve, a cada quinze dias, a coluna Do Amor. Tem dois livros publicados, o livro Do Amor e o Ela Prefere as Uvas Verdes, além de escrever histórias de verdade no Cartas de Amor, em que ele escreve um conto exclusivo pra você.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: