A conversa sobre paternidade é uma das mais importantes do nosso tempo. Venha para o PAI: Os desafios da paternidade atual, discutir e colocar em prática o tema.
Compre já o seu ingresso!

Quem tem medo da Coreia da Norte?

Após abrir contas no YouTube e Twitter, o governo da Coreia do Norte cria um usuário no Facebook, que já conta com mais de 1.500 amigos.

Conhecer um pouco de geopolítica mundial sempre é interessante para formarmos opiniões, compreender melhor as relações entre países e o que nos afeta diretamente, indo além dos resultados do jogo do Brasil na Copa do Mundo de 2010.

Para quem não está muito ligado no que acontece no mundo todo, a Coreia do Norte é um país originado em 1948, após a Segunda Guerra Mundial. Sua criação ocorreu após a Coreia, antes um só país, ser dividida entre áreas ocupadas por norte-americanos e russos.

A Coreia do Norte se recusou a participar das eleições supervisionadas pelas Nações Unidas. Como tanto a Coreia do Norte como a Coreia do Sul reivindicavam soberania sobre todo o território, ocorreu a Guerra da Coreia entre esses dois países, em 1950. A guerra terminou em 1953, apesar de ainda não haver nenhum tratado de paz, e ambos os estados foram considerados independentes pelas Nações Unidas em 1991.

Link YouTube | "Team America" (já viram?) explica o que está na mente do ditador coreano

Mas o que isso tudo tem a ver conosco?

O regime político vigente na Coreia do Norte é uma ditadura liderada por Kim Jong-Il. Como toda ditadura, controla a liberdade de expressão em seu país e se preocupa muito com a imagem que o país tem em relação aos outros países no mundo. Pensando nisso, o governo ditador começou a fazer a inserção do país no âmbito digital, abrindo contas no YouTube, para divulgar os vídeos produzidos pela TV estatal norte-coreana, no Twitter (@Uriminzok), que já possui mais de 10.500 seguidores, e agora no Facebook.

A princípio, poderíamos imaginar que essas ações seriam medidas internas de publicidade para divulgação interna do regime ditatorial, mas isso não ocorre pois grande parte da população da Coreia tem acesso muito restrito à internet, ainda bem vigiado pelo governo. Muitas pessoas na Coreia nem sabem que a Internet existe.

Veja o vídeo abaixo para você ter uma ideia do que eles andam divulgando mundialmente:

Link YouTube | Nem precisamos entender a língua para perceber o que eles querem dizer.

Se a ideia é divulgar o país para mostrar como o regime socialista ditatorial é bom, por que ameaçar o mundo com essas imagens?


publicado em 21 de Agosto de 2010, 18:31
1c43c35a9fcce3811a46392a3e697798?s=130

Danilo Scorzoni Ré

Engenheiro Florestal, amante da natureza e de ecoturismo. Apesar de ambientalista, não gosta de eco-chato e ainda acredita na capacidade do ser humano em promover um futuro melhor. É @dscorzoni no Twitter.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura