Estamos procurando um autor para escrever sobre saúde do homem no PdH! Topa? Mais informações aqui.

Café da manhã dos campeões. Qual o seu?

O homem-padrão-morando-sozinho é uma das subespécies mais primárias que se pode conceber no ecossistema urbano. Sua existência orbita basicamente em torno do triunvirato "dormir, trabalhar pra caralho, putaria" - a não ser que ele já tenha lido o guia de sobrevivência do Alberto.

Comida se torna mero item funcional, para manter o corpo de pé com os nutrientes necessários para trabalhar ainda mais e, com um bocado de sorte, foder como um garanhão italiano. Falar em alimentação saudável e balanceada é como discutir a existência do pote de ouro ao final do arco íris, a ideia aquece nossos corações, mas na prática só uns poucos iluminados seres com fé chegam lá.

"Olhem, um homem se alimentando bem! Ah, não. É só um caminhão de Guiness..."

Eis que uma das minhas 10 metas para 2011 é, ipsis litteris, "terminar o ano com excelente preparo físico e não menos do que 85kg, com baixo percentual de gordura". Ano passado tentei a genérica "transformar minha forma física para melhor", sem resultados satisfatórios. Portanto resolvi buscar uma linha mais específica na definição do objetivo.

Como as coisas aqui no QG andam rolando num ritmo famiglia, praticamente todos os frequentadores da casa estão engajados na superação física. O que é excelente, um tem puxado o outro e trocamos opiniões sobre como otimizar nossos treinos e rotinas do dia-a-dia. Dentro disso, anteontem o Felipe Ramos me sugeriu uma bela opção de desjejum e lanche da tarde. Iogurte desnatado sem gosto, frutas, granola e mel. Fui ao supermercado e adaptei ligeiramente:

Café da manhã dos campeões "Power Granola"

"Granola da vitória!"


  • um copo de iogurte Vigor, sabor cenoura com mel

  • uvas frescas

  • granola

  • mel (opcional, preferi não usar. fica muito doce.)

O preparo leva um minuto. Perfeito, já que tenho pouco saco pra ficar preparando um rango decente após acordar. Pode parecer idiota mas cheguei a cultivar o péssimo hábito de ir trabalhar sem comer nada, por puro desleixo. Praticidade é questão fundamental para algo novo entrar em minha rotina.

Agora quero saber de vocês, quais são as alternativas que os cuecas aí têm preparado em casa? Espero que já não dependam mais da mamãe pra isso.

Abração!


publicado em 15 de Abril de 2011, 10:14
File

Guilherme Nascimento Valadares

Editor-chefe do PapodeHomem, co-fundador d'o lugar. Membro do Comitê #ElesporElas, da ONU Mulheres. Professor do programa CEB (Cultivating Emotional Balance). Oferece cursos de equilíbrio emocional e escreve pequenas ficções no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura