Red Bull te dá Asas... no Rio de Janeiro!

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Vivara130x50 jpg
  • Selo dorel jpg

Chega ao Rio de Janeiro pela primeira vez, uma etapa da Red Bull Air Race 2007, uma espécie de Fórmula 1... de aviões! O Cristo Redentor é testemunha das peripécias destes pilotos intrépidos cortando os ares da Cidade Maravilhosa. Mas o que é a Red Bull Air Race ?

Treino no Rio
Existe marketing melhor do que esse?

Trata-se de uma competição na qual os pilotos mais talentosos do mundo disputam, uns contra os outros, uma corrida baseada em precisão, talento e habilidade.

O objetivo é pilotar contra o relógio, num percurso desafiador tipo “slalom”, com direito a curvas fechadas, e passando por marcadores denominados “air gates” (portais aéreos), sendo dois tipos destes marcadores. Num deles, o piloto tem que passar entre as balizas (infláveis, claro) com as asas na vertical, e no outro, na horizontal. Se estourar uma baliza, ou errar a manobra, ele tem seu tempo aumentado. Quem fizer o menor tempo vence.

Mas não é só a velocidade que importa : A precisão é crucial, pois qualquer erro acaba incutindo em penalidades, que se traduzem em aumento do tempo obtido pelo piloto. Voar próximo ao chão em velocidades próximas a 400 km/h e ao mesmo tempo executar manobras intensas requer imensa habilidade, que só alguns pilotos no mundo possuem.

Esse é o motivo pelo qual a seleção dos pilotos é extremamente rigorosa e baseada na experiência e precisão destes. E tem que ser assim, pois os pilotos estão sob constante pressão, tendo que enfrentar forças de 10G. Não há espaço para erros !

Vê se não parece com aqueles pilotos russos malignos do filme Top Gun

O que faz a Air Race tão interessante para os espectadores é a proximidade. O vôo baixo num circuito compacto significa que o público pode acompanhar toda a ação com o máximo de proximidade.

A primeira competição mundial aconteceu em 2005, ocorrendo em 7 locais ao redor do mundo, com 10 pilotos competindo, sendo campeão o americano Mike Mangold. No ano seguinte, 11 pilotos disputaram 8 etapas, e o americano Kirby Chambliss foi coroado campeão mundial.

Reparem na animação da senhora gordinha

Em cada etapa, o vencedor leva 6 pontos, o segundo 5, e assim sucessivamente, até o sexto colocado que ganha 1 ponto.

Tão nova a Red Bull Air Race, e já há polêmica envolvida no novo regulamente. Nos anos anteriores, os pilotos tinham que percorrer o circuito duas vezes apenas, e aquele que fizesse o menor tempo, ganhava. Este ano houve mudança, agora o sistema é de playoff.

Alguém aí pediu com emoção?

Dois pilotos são emparelhados, e aquele que fizer o menor tempo elimina o outro, e assim até uma final. Apesar de tornar o evento mais emocionante, o sistema foi criticado pelos pilotos, pois aumenta o número de vôos, o que pode não só superaquecer a aeronave como potencializar a chance de erro pelo desgaste físico.

Êee... viva o Vovô! Red Bull vai dar uma levantada no passarinho dele!
O Vovô em sua caminhada rumo ao hotel onde vai receber seu "prêmio"

Confira a lista de pilotos e o calendário das provas de 2007:

Pilotos: Nigel Lamb (Grã-Bretanha), Peter Besenyei (Hungria), Kirby Chambliss (EUA), Nicolas Ivanoff (França), Alejandro Maclean (Espanha), Mike Mangold (EUA), Hannes Arch (Áustria), Micheal Goulian (EUA) , Sergey Rakhmanin (Rússia), Klaus Schrodt (Alemanha), Frank Versteegh (Holanda), Steve Jones (Grã-Bretanha), Paul Bonhomme (Grã-Bretanha)
Calendário: 6/4 – Abu Dhabi (Emirados Árabes); 21/4 – Rio de Janeiro (Brasil); 12/5 – Monument Valley (EUA); 2/6 – Istanbul (Turquia); 23/6 – Barcelona (Espanha); 15/7 – Interlaken (Suíça); 29/7 – Europa (A definir); 20/8 – Budapeste (Hungria); 1/9 – Porto (Portugal); 22/9 – San Diego (EUA); 13/10 – Acapulco (México); 4/11 – Perth (Austrália).
Site oficial: http://redbullairrace.com

obs: como esse evento é hoje, esse artigo teve prioridade. Amanhã, a continuação do artigo com dicas para proteger seu PC de vírus escrito pelo Daniel Ondeburg, pessoal.


publicado em 21 de Abril de 2007, 12:23
7375567d0f2c379b7588ce618306ff6c?s=130

Mauricio Garcia

Flamenguista ortodoxo, toca bateria e ama cerveja e mulher (nessa ordem). Nas horas vagas, é médico e o nosso grande Dr. Health.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: