Vai arriscar? É 1 pra 50.063.860.

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Selo dorel jpg
  • Vivara130x50 jpg

Eu conheço um jogador. Jogador profissional. Está longe de ser um sujeito excêntrico.

Jovem, trabalhador, bem articulado, solteiro, católico apostólico romano e botafoguense. No seu trajeto diário da casa até o trabalho ele caminha exatos 3,2 quilômetros à pé. Nesse percurso, além de deparar com casas antigas da Zona Sul do Rio de Janeiro e comércios variados, passa por quatro lotéricas distribuídas entre os bairros de Botafogo, Flamengo, Laranjeiras e Cosme Velho.

--

Oferecimento: BetBoo

Nelas, um movimento inusitado: centenas de pessoas debaixo de sol, com tablóides nas mãos e muita esperança. Esperança de sobra. Preenchem os pequenos folhetos com um sorriso bobo no rosto e rezam por uma luz divina para receber um cálice abençoado com os seis números sagrados da loteria.

Afinal, são 85 milhões de reais. Passaporte para o ócio definitivo.

Tá mais fácil ser atacado por um tubarão na praia do que levar a Sena acumulada.

Tirando o fato de nossos amigos se tornarem futuros funcionários, de ser bondoso por obrigação para não ser chamado de avarento e de viver em uma paranóia constante, ganhar na mega-sena é um bom negócio. Mas o fato é: você não vai ganhar na mega-sena. Nem você, nem sua mãe, nem seu tio mais sortudo, nem o jogador profissional, nem ninguém que você conheça; sem chance.

Não quero desanimá-lo. O problema é crer que os míseros reais que você aposta em um papel para preencher seis números o levarão a se tornar o novo milionário da praça.

Tudo bem se você que gosta de apostar no vazio, como no caso da Mega Sena. Ora, estamos falando de sorte. Não há uma probabilidade 100% exata de chances muito menos um estudo de casos para vencer. Apostar é um esporte, o desafio é instigante, mas há diversas formas melhores e mais eficientes de direcionar sua ânsia em adivinhar números e prever o futuro, ganhando grana com isso.

Observe os perfis:

O matemático, por exemplo.

Sujeito que transa de meias e conta os degraus que sobe. Soma os números das placas de carros e telefones. Ele pode ter todo esse conhecimento do mundo, pode ser o campeão do mundo do jogo do PIN do Silvio Santos, mas também pode ser um azarado. Ou simplesmente não ter sorte. Nunca ganhará na Mega Sena.

E uma suposta planejadora?

A mulher pode ser a versão de saias do Dr. House. Investiga o mercado, as estatísticas, a concorrência e a temperatura do feijão antes de chegar até um conceito, diagnostico ou seis dezenas. Tem resultado de pesquisas qualitativas e quantitativas na ponta da língua, dispensa margens de erro e o termo para mais ou para menos. Esses anos de estudo a colocam com as mesmas chances de ganhar que aquele garçom que comprou um jogo pronto de uma vendedora que passou no meio do restaurante com 50 jogos dentro de uma pochete de couro.

Pessoas assim nasceram para o previsível. Se não, para o mais provável.

Os jogos de sorte dependem de uma série de fatores cósmicos para premiarem o jogador. E essa força que determina ou regula tudo quanto ocorre, e cuja causa se atribui ao acaso das circunstâncias ou a uma suposta predestinação, acredite, não está para todos.

Para ganhar dinheiro como jogador vá aonde o seu conhecimento é recompensado. Não são malditos 6 números que te deixarão milionários de uma hora pra outra, é trabalho duro pra adivinhar resultados e blefar em um poker online.

Aposte no que você entende. E o melhor de tudo é que você vai saciar a sede de apostas sem precisar enfrentar as outras tantas milhões de pessoas que também querem enriquecer fácil. Seja um vencedor profissional, mas não seja mais uma dessas pessoas.

--

Betboo.net

Trata-se de um sportsbook que lançou uma versão 100% gratuita. Você se cadastra sem gastar um real e compete entre amigos.

Toda semana, o melhor jogador é premiado com um iPad. Ao final, o grande campeão leva um Mini Cooper. Nós da equipe PdH nos cadastramos. Esse artigo é o segundo de uma série de quatro.

Aprendam o que é um Sportsbook

O que é um sportsbook?

--

Fãs de esportes, cadastrem-se no Betboo. A disputa pelos iPads e pelo MINI já começou.


publicado em 08 de Setembro de 2010, 12:47
File

Fred Fagundes

Fred Fagundes é gremista, gaúcho e bagual reprodutor. Já foi office boy, operador de CPD e diagramador de jornal. Considera futebol cultura. É maragato, jornalista e dono das melhores vagas em estacionamentos. Autor do "Top10Basf". Twitter: @fagundes.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: