Assistindo coisa errada pela porta dos fundos

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Selo jockey

Você já deve ter recebido alguns desses vídeos. Mas o legal é ver todos.

Porta dos fundos
Porta dos fundos

A Porta dos Fundos tem alguns nomes conhecidos, como Antonio Tabet, do KibeLoco, o comediante Fabio Porchat e o ator Gregório Duvivier, e muita gente boa que você nunca ouviu falar. Os vídeos são hilários, os roteiros, primorosos, a produção, caprichada. Estou adorando.

O primeiro programa

Os primeiros dois programas, apesar de maravilhosos, são talvez longos demais para as atenções disputadas da internet. Depois, eles passaram a fazer clipes isolados.

Link YouTube | "Minha filha quer fazer inglês, agora pergunta se é Wizard! É Cultura Inglesa! E o menorzinho quer comer Negresco!"

O segundo programa

Link YouTube | "Você vai sentir o poder do meu.... chicote!" e "Meu irmão vai dar um show num bar lá da Lapa..."

O caso Spoletto

Os caras são bons até de "publieditorial". Primeiro, fizeram:

Link YouTube | Obviamente, a graça do vídeo é que todo mundo já passou por isso na porra do Spoletto.

O Spoletto, sabiamente, ao invés de se ofender, deu uma aula de marketing, e patrocinou um segundo vídeo:

Link YouTube | Spoletto, uma empresa que sabe rir de si mesma e que tem muitos motivos pra isso!

Alguns dos meus preferidos

"Meu príncipe"

Link YouTube | Como carioca, atesto que é assim mesmo que nós somos. Visite o Rio de Janeiro!

"Programa político"

Link YouTube | Pelos idosos... "Pelos idosos" é muito bom!

Super-gêmeos: setor de RH

Link YouTube | Realmente, o balde sempre me intrigou!

Superávit

Link YouTube | "Você quer é ver mais filme nacional? É isso que você quer? Bianca, retoma Paulínia!

O meu favorito isolado: "Sobre a mesa"

Link YouTube | Eu quero escalavrar a buceta & esmerilhar a chapuleta.
* * *
Para assistir todos os vídeos, e assinar pra receber os próximos, visite a Porta dos fundos.



publicado em 29 de Setembro de 2012, 09:34
1a8a74701f9727700af568a1a0a2bf8c?s=130

Alex Castro

alex castro é. por enquanto. em breve, nem isso. // esse é um texto de ficção. // se gostou, assine minha newsletter e receba meus novos textos por email.

Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há oito anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura