"Eu te amava... até saber que você é negra!"

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Vivara130x50 jpg
  • Selo dorel jpg

Um breve adendo aos textos da série do PapodeHomem sobre racismo e normalidade.

Uma das personagens principais da trilogia Jogos Vorazes, cujo primeiro filme acabou de estrear nos cinemas, revelou-se... negra! Isso desencadeou em muitos um certo tipo de horror, o horror.

(Aliás, um breve aviso: este artigo contém um spoiler grande nas próximas linhas.)

Nos livros, a personagem era descrita como tendo a pele escura, mas foi apenas uma linha em quase mil páginas, e muitos leitores não perceberam ou não deram importância. Como a personagem não foi consistentemente descrita como negra, como sua negritude não foi transformada a todo momento em elemento de enredo, como sua diferença não foi martelada ad nauseum, muitos leitores simplesmente ignoraram aquela linha da descrição e pensaram nela como normativa. Como branca.

Pior: em algum momento da trama (não sei nada sobre esses livros), a personagem sofre uma morte violenta e comovente.

Agora, inúmeros espectadores do filme (não um, não dois, muitos!) estão revoltados por terem descoberto que a personagem que amaram, com quem se importaram, por quem choraram, cuja morte lamentaram... era negra!

Oi, eu sou a Rue. E sou negra

De fato, eu sei que é quase um lugar-comum da crônica dizer que ninguém se importa quando some uma criança negra, com mais um neguinho baleado na favela, mas que basta uma criancinha loira sumir em Portugal ou uma engenheira loira na Barra, que passamos anos e anos falando do assunto.

Falamos tanto isso que parece até que é exagero. Parece que não é bem assim. Mas é.

O tumblr Hunger Games Tweets foi criado para coletar algumas dessas manifestações sinceras e consternadas do mais profundo racismo. Abaixo, alguns exemplos:

Racistas chocados.
Racistas chocados.

Pensem bem: se tantas pessoas estão indignadas de terem gostado de alguém e lamentado sua morte para somente então descobrir que ela era negra, e aí parece que todo esse carinho e esse luto foram desperdiçados...

Vocês acham mesmo que essas pessoas se importariam tanto com o sumiço de uma menina negra quanto com o de uma loirinha branca de olhos azuis?

Saiba mais

 Jezebel: Os fãs racistas de Jogos Vorazes estão muito desapontados
 Tumblr: Hunger Games Tweets

Para mais contexto, confira a nossa série de três artigos sobre Racismo e Normalidade.


publicado em 29 de Março de 2012, 07:26
File

Alex Castro

alex castro é. por enquanto. em breve, nem isso. // esse é um texto de ficção. // veja minha vídeo-biografia, me siga no facebook, assine minha newsletter.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: