Onde homens que aspiram crescer se encontram? No "Homens Possíveis 2017". Vem ver a programação e garantir seu ingresso. É 09/12, sábado.

Game of Thrones voltou: infográfico completo com todas as mortes da série até agora!

Quem mais matou, qual casa é a mais assassina e como as pessoas mais morrem na série da HBO

  • Nossos atuais Mecenas:
  • 130x50 jpg
  • Advertisement
    130x50 jpg

Sangue e carne, corpos espalhados e despedaçados. Muita vingança, burrice e instinto de sobrevivência permeiam a obra de George R. R. Martin e, consequentemente, sua adaptação em série produzida pela HBO.

Chegamos, finalmente, na sétima temporada e temos aqui um infográfico com detalhes de todas as mortes das temporadas 1 a 6, feito pelo site Winter is Coming. Sim, claro que o infográfico vem com muitos spoilers dessas temporadas.

Conta em risco? Conta em risco.

* * *

Quem morreu nas mãos de quem, quais casas mataram pessoas de outras casas e quais dessas foram mortas por quais das casas. Quem são os personagens mais assassinos e quem sucumbiu na ponta de suas espadas (ou bebidas envenenadas, ou flechadas ou empurradas ou então atropeladas ou afogadas ou explodidas ou então atiradas aos cães ou fritas ou congeladas). 

Das 215 pessoas que apareceram na série e foram nomeadas (ou seja, descontemos as centenas de figurantes), a nova temporada começa com 137 delas já mortas e só 78 ainda vivas. Ainda.

Desses 127 assassinos, quando olhamos para o gênero deles, 89 são homens e 38 mulheres.

Pra quem não sabe nada, Jon Snow matou mais que todo mundo e os Stark, quase dizimados, ainda tiveram fôlego pra serem os segundos a mais matar no caso das famílias.

Bom, vem cá ver todos os detalhes:

Pra ver maior, é só clicar na imagem!

E o inverno parece que chegou de vez.


publicado em 17 de Julho de 2017, 00:00
Logo pdh png

Redação PdH

Mantemos nosso radar ligado para trazer a você notícias, conversas e ponderações que valham o seu tempo. Para mergulhar na toca do coelho e conhecer a visão editorial do PdH, venha por aqui.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: