Rust Miner: sucata, artesanato e acessórios de cair o queixo

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Asm selo png
  • 130x50 jpg

Quando resolvi escrever para o PapodeHomem, tinha em mente agradecer por toda informação e transformação que o portal marcou para a realização de um sonho. Enviei um e-mail para o Fábio Rodrigues – que é daqui de SC – e em 20 minutos recebemos uma resposta pedindo pra contar um pouco da nossa história. Somos artesãos não redatores, mas aqui vai um depoimento meio confuso, mas de coração.

Tudo começou quando procurávamos acessórios diferentes dos tradicionais e, como não conhecíamos muitas opções, a ideia foi criar nossos próprios colares e pulseiras.

Da primeira peça feita a partir de um chinelo velho – que virou um pingente caveira – até o presente momento, com peças mais elaboradas, a nossa curta história está recheada de emoções e, principalmente, de apoio dos amigos e de gente que nem conhecíamos. É sobre isso que gostaria de falar.

Algumas pessoas mais próximas curtiam nossos acessórios e até pediam pra criar pra elas também, mas não imaginávamos que acessórios feitos com sucatas e velharias fossem agradar.

sucatas

Honestamente, havia um receio de como a ideia seria recebida e, para nossa surpresa, os amigos piraram junto com a gente. Todo dia alguém dava uma ideia: “Tem um ferro velho em tal lugar”, “conheço um relojoeiro que tem sucatas de relógios”, “cara, compre essa ferramenta, vai facilitar muito”, “veja essas imagens que encontrei para vocês se inspirarem”, “tenho essas peças lá em casa, talvez sirva”.

Desde então não parou mais. Amigos e clientes também garimpam conosco e nos mandam materiais, links, fotos, e-mails, mensagens de apoio que caem muito bem até hoje, principalmente naqueles dias mais desanimadores.

Toda essa participação acabou influenciando radicalmente a nossa identidade e forma de pensar e agir. A reflexão pela sustentabilidade, por exemplo, acabou nos atraindo. E isso, por sua vez, aproximou pessoas que gostam de expressar sua identidade e estilo de uma forma autentica sem deixar de viver um estilo de vida mais simples.

Buscar uma noção de valor que transcenda o custo material de um acessório não implica em negar o ouro, a prata e as pedras raras dos designs tradicionais, mas sim permitir-se usar algo que ache bonito, que tenha uma boa história, enfim, um significado especial.

Assim como o ouro bruto, a prata e pedras raras extraídos nos garimpos estão para os tradicionais joalheiros, para a RustMiner pequenas peças (engrenagens, arruelas, porcas, e outras partes), tecidos, fibras, borrachas, couros,que um dia fizeram parte de alguma máquina ou que tiveram ou teriam uma outra função se tornam a matéria bruta a ser lapidada e transformada em acessórios com características únicas.

No início, os planos eram criar acessórios exclusivamente masculinos. Uma amiga apresentou o PdH e aqui, além de aprendermos muito sobre o perfil do público, por ironia também aprendemos que sexismo é uma merda. Por que "acessórios masculinos"? Por que não “acessórios”? Claro que alguns têm uma pegada mais masculina e outros são mais femininos, mas não somos nós que definimos o que as pessoas querem usar.

Muitos textos sobre empreendedorismo colocam o empreendedor quase como um super-herói, que não tem pontos fracos, que em nenhum dia colocou em dúvida o seu próprio sonho. Empreendedores são humanos, cheios de defeitos e falhas, mas carregam dentro de si a vontade de fazer algo acontecer. Na maioria das vezes, a ajuda dos amigos, o apoio, o “vamos lá, cara, eu acredito que essa porra vai dar certo”, faz toda a diferença.

Quem tem um projeto remoendo na mente, por mais louca e sem noção que pareça sua ideia, se bem planejada, pesquisada e trabalhada ela pode se tornar realidade. Dica de dois caras que fazem acessórios artesanais a partir de sucatas e outros velharias e muita gente de perfis diversos curtem pra caramba. Então, não duvide de mais nada.

Se quiser conhecer mais sobre a RustMiner, pode começar dando like na nossa fanpage. Para quem já desencanou do Facebook, só ir direto na loja.

002_1
Bearded Dragon Steampunk simbolo
cartucho 22 com fusivel
chave face
corrente bike
detalhe baixa
Rust Miner
gotico
Rust Miner
industrial
key
lanterna gótica
Leo_oficina
milolos são suctas e ou retalhos
Pai Cliente (ana)encontrou relógio na praia e pediu pra criar pingente
pingente de corrente bike
Pingentes somente as porquinhas são sucatas
pingente-tesla-steampunk-inspiration
pulseria rami tingido e retalhos de couro
pulsiera retalho de couro
retalhos de couro
simples
steampunk juntos
sucatas de relógio

tesla com dobradiças


publicado em 15 de Agosto de 2013, 11:07
Leo begin

Léo Begin

Apaixonado por artesanato, é artista plástico e artesão na RustMiner. É também MBA em Marketing e Negócios.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: