17 bandas de rock brasileiras compostas por mulheres para ouvir agora | Eu ouvi pra você #40

Recupere sua fé ouvindo rock feito com a alma

O rock é como um vilão de histórias da Marvel. Sempre que ele parece estar morto e enterrado, uma grande reviravolta acontece e ele retorna, sob uma nova forma. Mais forte, em edição revista e atualizada, pronto pra encarar os problemas do novo mundo que se apresenta.

Desde seu surgimento as pessoas parecem ter um certo prazer em anunciar seu fim. Foi assim quando o rockabilly perdeu força e deu surgimento ao rock psicodélico. Depois, veio o hard rock, o progressivo, o punk, o grunge. Assim, se me perdoam a explicação grosseira, ele vai e vem e se renova em ondas mais ou menos populares.

Hoje, aparentemente, estamos em uma dessas marés baixas. O Rap e o Funk mais fortes do que nunca, fazem a cabeça da molecada muito mais do que a rebeldia caricata de outrora. Além disso, as tecnologias que se apresentam para fazer música atualmente são mais fáceis de se aprender e baratas do que comprar e estudar uma guitarra.

Assim, não é de se espantar que tenhamos pouca música com guitarra, baixo e bateria rolando nas rádios e revirando a cabeça dos adolescentes.

Mas o New York Times deu a letra: as mulheres estão fazendo o melhor rock atualmente.

Em geral, no melhor espírito punk, elas pegam seus instrumentos, produzem, gravam clipes, divulgam e organizam eventos próprios. Quando o espaço não está lá, disponível, essas mulheres se acotovelam e o conquistam. Ou, até melhor: o criam.

As mulheres fazem o rock mais urgente, interessante e verdadeiro que existe atualmente. Não apenas nas vertentes do punk, mas em todas as suas frentes. 

A lista do New York Times é gringa, então, automaticamente fica no ar a necessidade de trazer a ideia para o Brasil e montar uma lista nossa.

Como rock é um conceito elástico, tentei selecionar uma mistura de bandas mais pesadas, mais punk, mais metal, mais psicodélicas e também algumas mais leves, mais dançantes, mais indie. Poucas as chances de você gostar de todas, dada a variedade, mas uma ou outra deve fazer seus ouvidos levantarem aí. 

A ideia não é selecionar objetivamente as melhores (até porque isso é impossível), mas apresentar novas referências. O filtro, claro, não é nenhum selo universal de qualidade. É em maior parte só o meu gosto. 

Espero você nos comentários pra engordar a lista e compartilhar mais bandas sensacionais compostas por mulheres.

Far From Alaska

Link Youtube

Carne Doce

Link Youtube

My Magical Glowing Lens

Link Youtube

Karen Dió

Link Youtube

Cinnamon Tapes

Link Youtube

Inky

Link Youtube

Charlotte Matou Um Cara

Link Youtube

Ema Stoned

Link Youtube

Rakta

Link Youtube

Napkin

Link Youtube

Deb and The Mentals

Link Youtube

Nervosa

Link Youtube

BBGG

Link Youtube

BRVNKS

Link Youtube

Lu Manzin

Link Youtube

Plutão Já Foi Planeta

Link Youtube

Duda Brack

Link Youtube


publicado em 19 de Novembro de 2017, 13:20
Avatar01

Luciano Ribeiro

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura