6 links essenciais para entender o impacto de Alexandre Moraes no STF e na Lava Jato

Separamos informações práticas e rápidas para entender o que faz um juiz do STF e o impacto de Moraes como relator da Lava Jato

  • Nossos atuais Mecenas:
  • 130x50 jpg
  • Asm selo png

Após a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) sabatinar Alexandre Moraes por mais de 10 horas ontem, sua indicação ao STF recebeu 19 votos favoráveis e 7 contrários. 

Ao final da sessão, Moraes recebeu cumprimentos de senadores. Aos 48 anos, chegou ao topo da carreira jurídica e pode ficar na função até 2044, quando completa 75 anos, o limite pra ocupar uma função pública.

Hoje o plenário do Senado o elegeu por 55 votos a 13. Temos agora 9 homens e apenas 2 mulheres no STF, Cármen Lúcia e Rosa Weber. Importante lembrar que Moraes não foi a primeira indicação política feita por um presidente para esse cargo.

Michel Temer e seu indicado, o criticado ex-Ministro de Justiça Alexandre Moraes
O STF
Difícil não lembrar desse diálogo que vazou em 2016, entre o senador Romero Jucá e o presidente da Transpetro, Sérgio Machado

Mesmo com suspeitas, é importante lembrar que Moraes tem credenciais de peso no meio jurídico, como o artigo "21 razões pelas quais Temer acertou ao indicar Alexandre Moraes" aponta.

É hora de entender o impacto da eleição de Moraes como juiz do Supremo Tribunal Federal em nossas vidas. Para isso, separamos alguns links essenciais:

1. Comissão que sabatinou Moraes tinha 18 citados na Lava Jato (Poder 360)

2. Moraes se reuniu com congressistas para uma "sabatina informal", num barco — e já estava com votos garantidos quando a sabatina oficial foi realizada (Poder 360)

3. O posicionamento de Moraes sobre temas como o vazamento de delações premiadas, união homoafetiva e maioridade penal (G1)

4. O que faz mesmo o STF? Como ele funciona? (Politize)

5. O que faz um relator do STF (Politize)

6. O que faz do relator uma peça tão importante na Lava Jato (Nexo)

* * *

Infográfico excelente feito pelo time do www.politize.com.br

* * *

E agora, como ficamos?


publicado em 22 de Fevereiro de 2017, 13:30
Logo pdh png

Redação PdH

Mantemos nosso radar ligado para trazer a você notícias, conversas e ponderações que valham o seu tempo. Para mergulhar na toca do coelho e conhecer a visão editorial do PdH, venha por aqui.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: