Estamos procurando um autor para escrever sobre saúde do homem no PdH! Topa? Mais informações aqui.

10 tênis que seu pai usava e que ainda são estilosos hoje

Modelos que estão há décadas na categoria de tênis bonitos pra você usar sem medo

Ok, talvez você ainda não se veja usando aqueles shorts curtos que seus pais usavam lá nos anos 70 e 80. Eu disse ainda. Essa moda vai voltar e tudo mais mudar dentro da sua cabecinha. 

Depois me cobra.

Agora, a GQ fez uma lista com dez modelos de tênis que seus velhos usavam quando não eram velhos e que ainda são estilosos demais, prontos para o uso aqui nos dias de hoje. 

Talvez seu velho tivesse um pouco mais de estilo do que o homem médio da época e pegou um par de Puma Suedes na década de 1970 ou Air Jordan 1s na década de 1980 - ou talvez ele fosse o tipo de cara que só conheceu os Chuck Taylors [o AllStar de cano alto]. Mas, hoje, todos estes são clássicos testados no tempo.

Reebok Classics

Um classicão dos anos 80, pronto pra ser usado hoje com jeans e bermuda. Bom pra poder usar bastante cor e estampa em acessórios e camisa ou camisetas.

New Balance 574 

O original mesmo era todo em tons de cinza, o que é massa. Mas agora o que não faltam são versões do modelo com mais cores. Tem o cinza com detalhes em outras cores e esses, como o daqui de cima, que vão provocando mais com as composições.

Vai do gosto e do propósito pra usar a peça. Estilo ela tem.

Converse JV Weapons

Se você tem saudades do Strokes ou tá mais na pegada de bermuda e cano alto que nem o Wiz Khalifa, esse aqui vai bem pros dois. Dá pra ficar mais comedido e mais espalhafatoso dependendo da sua intensão com as outras peças que vão acompanhar.

Nike Classic Cortez

Temos aqui o modelo da década de 70, lançado perto das Olimpíadas de Munique, em 1972. 

Esse da foto é o originalzão, mas hoje você encontra com todas as cores e combinações possíveis e imagináveis.

Vans Authentic

Cara, Vans. Califórnia, skate, calça jeans, bermuda, cores pra cacete. Fundada nos anos 60, passou pelos 70 e 80, quando chegou a falir e voltou, hardcore dos anos 90, e tá aqui com a gente até hoje.

Só botar no pé.

Air Jordan 1

1984. Nessa época, o Michael Jordan nem tinha vencido um campeonato sequer pelo Chicago Bulls. Hoje, seis títulos depois e o renome de "o melhor jogador de todos os tempos", tá aí seu primeiro modelo rodando tranquilo.

Coloquei essa foto pra mostrar que tem como ser mais comedido (o branco e preto) e ir aumentando a gradação de estilo com o vermelho e o preto.

Adidas Superstar

Amigo, essa belezinha vem lá de 1969.

Versou com o rap do Run DMC nos anos 80, com o nu metal do Korn nos anos 2000. E, entre acertos e erros, tá aí até hoje, mantendo o estilo.

Puma Suede

Vermelhão. Lançado primeiramente lá em 1968, bateu forte nos anos 80 - retratado bem na série The Get Down, que o DJ usa um desses - e, agora, claro, tá bem em dia. 

Pode por no pé sem medo.

Brooks Vanguard

A Brooks é uma marca esportiva focada em corridas, lá da Pensilvânia, Estados Unidos.

Por aqui, não chega a ser conhecida nesse âmbito de tênis, mas se chegar esse modelo Vanguart por aqui, com esse azul e laranja, não vai ter muito erro, né.

Converse Chuck Taylor 1970s

Wilt Chamberlain, o cara que mais fez pontos em um único jogo na NBA. Rocky Balboa. Os caras do Ramonesdo filme Grease.

Todos eles usaram um All Star preto de cano alto.

Nunca será um erro.

Deu certo? Tem algum tênis que ficou na sua cabeça como estiloso e que vem desde lá de trás? Só chegar aqui nos comentários.


publicado em 26 de Junho de 2017, 00:00
13350456 1045223532179521 7682935491994185264 o

Jader Pires

É escritor e colunista do Papo de Homem. Escreve, a cada quinze dias, a coluna Do Amor. Tem dois livros publicados, o livro Do Amor e o Ela Prefere as Uvas Verdes, além de escrever histórias de verdade no Cartas de Amor, em que ele escreve um conto exclusivo pra você.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura