A carta que a filha do Chris Cornell escreveu no dia dos pais

Vocalista do Soundgarden e Audioslave se foi em maio e sua filha lhe escreveu no feriado dos pais desse final de semana

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Advertisement
    130x250 1 jpg

A gente comentou da morte do Chris Cornell há algumas semanas e o peso disso tudo: uma geração considerada perdida, a maneira trágica de alguém ir embora. A saudade.

Nos Estados Unidos, o dia dos pais foi comemorado nesse último final de semana e a filha do cantor escreveu uma carta pra ele.

A tradução é do Luiz Cesar Pimentel em seu blog no R7.

* * *

"Papai,

Deixe-me começar dizendo o quanto eu amo você e o quanto você significa para mim. Você é meu ídolo, alguém com quem eu sempre contei. Você sempre esteve lá para mim. Você me estimulou todos os dias, e você ainda faz.

Sempre que choro ou sinto que não há como continuar, ouço sua voz: "Não fica preocupada com isso, Peanut (amendoim). A preocupação é uma perda de tempo, eu estou bem".

Eu sempre levei o que você disse no meu coração. Provavelmente, porque tudo o que você disse foi sempre tão sábio.

Toda vez que você chegava em casa de turnês, passava todas as horas com a gente. Não importava o quão cansado você estivesse, por quantos fusos horários você tinha viajado, você estava lá para nós.

Sempre que eu estava doente, você cuidava de mim. Você me abraçava, me abraçava, me beijava. Você não se preocupava em pegar minha doença. Você ficava acordado a noite toda para se certificar de que minha febre tinha baixado. E se não tivesse, você me acordava e me dava o meu remédio. Eu abria meus olhos, te via e me sentia melhor.

Eu tenho tantas lembranças com você, mas uma das minhas favoritas foi no início deste ano quando eu estava sem sono e assistimos 'Purple Rain'. Você entrou no meu quarto quando eu estava tentando encontrar um filme para assistir.

"Que tal ‘Purple Rain’?", você disse. Eu sempre confiei em seu julgamento. Coloquei e imediatamente me apaixonei! Em seguida, chegamos à sua música favorita, 'The Beautiful Ones'.

"Esta música é tão especial que nem sequer pertence a um gênero. Quando eu tinha vinte e poucos anos, eu vi isso no cinema e um cara começou a morrer de rir dessa cena e música. Eu fiquei realmente louco ", você disse.

Eu também me apaixonei pela música e a ouvi no repeat diversas vezes.

Nossa conexão especial sempre foram as artes. Poemas, livros, música, escrita. Ambos temos um amor incondicional por isso.

Quem vai me apresentar para filmes como 'Purple Rain' e músicas como 'The Beautiful Ones' agora?

Espero descobrir alguns porque você me treinou tão bem.

Eu sei que você ainda está aqui, e o calor que sinto sob o frio, é você.

VOCE É O MELHOR PAI EM TODO O MUNDO. E eu sei que se não fosse um acidente você ainda estaria abraçado comigo assistindo 'Purple Rain'.

Eu amo você e sinto sua falta, papai. Você merece seu próprio dia para ser comemorado porque você é o melhor pai que qualquer um poderia ter. Feliz Dia dos Pais!

Com amor,

Seu bebê

Toni"


publicado em 20 de Junho de 2017, 13:12
Logo pdh png

Redação PdH

Mantemos nosso radar ligado para trazer a você notícias, conversas e ponderações que valham o seu tempo. Para mergulhar na toca do coelho e conhecer a visão editorial do PdH, venha por aqui.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: