Estamos procurando um autor para escrever sobre saúde do homem no PdH! Topa? Mais informações aqui.

Antes eu do que eles | Melhores comentários da semana

A conversa dessa semana girou em torno do equilíbrio entre nos colocar em primeiro lugar e acabar ferindo outras pessoas

A gente fala bastante aqui no PapodeHomem sobre respeitar as diversidades, ter compaixão com os outros, praticar a empatia, mas essa semana uma onda de comentários veio questionar justamente uma possível consequência dessa ação que é colocar o interesse dos outros acima do nosso próprio. Assumir prejuízos pessoais em benefício dos demais.

Eu realmente acredito que essa é uma questão social menor (do que o papel contrário), mas sei muito bem o quanto essa cultura pode ser danosa para os indivíduos que a praticam. Nesse caso, não existe meio termo. Quem se prejudica para ajudar os outros, não faz isso com parcimônia, atola logo o pé inteiro.

Assim como na semana passada, o texto do Alex Castro puxou a fila. Dessa vez ele veio falar sobre Os limites da empatia e é justamente disso que estou falando. Na verdade, é justamente disso que vocês estão falando.

Quer entender melhor? Vem ver.

Em Como um jornalista faz a diferença | Caixa Preta #4, por Ana Noemi Higa

Para introduzir a conversa, vou usar um comentário no texto da Higa sobre a nossa nova série de vídeos Caixa Preta. Nosso comentarista Pedro fez uma colocação falando exatamente sobre empatia e como relatos como o do Ismael são importantes para nos fazer pensar sobre uma realidade diferente da nossa:

Em Os limites da empatia, por Alex Castro

Depois disso, mas na verdade voltando no tempo, o Fabio Navarro apontou seu descontentamento nos comentários do texto do Alex sobre uma situação muito verdadeira: como perdemos tempo falando sobre os outros e como nossas conversas quase sempre são um julgamento pessoal da atitude que um terceiro teve:

Em Cuidado com a web motivacional: respeite seus medos, por Fred Mattos

Voltando um pouco mais, no texto do Fred de domingo, nosso comentarista Lucian Dalla Nora foi bastante positivado depois que ele relatou como o movimento de se fechar em si ajudou ele a superar um monte de problemas. Parece que ficar colocando a opinião (ou a vida) dos outros acima da sua própria não estava ajudando muito:

Em A bula que o orgasmo não tem, por Gabriella Feola

Para encerrar, pincei o comentário do Jonas Sakamoto no texto da Gabi Feola. Como sexo é um assunto delicado, esses textos geralmente rendem uma abertura além do convencional e dessa vez o Jonas foi contar como, no fim das contas, o mais importante pra ele foi conhecer a si mesmo na tentativa de equilibrar as demandas que vem dos outros com as que vem de nós mesmos. Ainda que essa demanda seja um orgasmo:

E você? O que tem a dizer sobre essa nossa balança de prioridades internas com externas? Que experiências você tem pra contar sobre essa nossa tentativa eterna de buscar o equilíbrio?

***

Melhores comentários da semana é uma série de artigos, sob curadoria de Breno França, publicada semanalmente às sextas-feiras para levantar as principais contribuições que os membros de nossa comunidade de leitores deram ao nosso conteúdo.

Fora isso, estamos fazendo também, toda sexta-feira às 17h, uma transmissão ao vivo pelo Facebook do PapodeHomem, onde comentamos o que de melhor na semana da nossa equipe e no editorial do PdH.

Esse vídeo aqui é o da vez. Olha só:


publicado em 31 de Março de 2017, 17:45
Breno franca jpg

Breno França

Editor do PapodeHomem, é formado em jornalismo pela ECA-USP onde administrou a Jornalismo Júnior, organizou campeonatos da ECAtlética e presidiu o JUCA. Siga ele no Facebook e comente Brenão.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura