Nirvana e Paul McCartney em 12.12.12: esse dia foi foda

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Asm selo png
  • 130x50 jpg

O mundo estava desabando. Os torcedores do São Paulo estavam alucinados, foram campeões na base da porrada,  tinha gente imaginando o quão grandioso era para a numerologia o dia 12/12/12, enquanto outros planejavam matar Justin Bieber. As redes sociais estavam em polvorosa com tudo isso e eu estava completamente alheio, esperando por um momento que duraria não mais do que cinco minutos: a reunião de Dave Grohl, Krist Novoselic, Pat Smear e Paul McCartney.

Juro, não soube o que exatamente pensar quando ouvi falar que eles se reuniriam. Imaginei o Paul McCartney e suas músicas acústicas, doces, familiares e não fiz a conexão com o som sujo/poluído do Krist Novoselic no Nirvana, nem com a bateria explosiva do Grohl ou mesmo a guitarra grandiosa, grave e direta do Pat Smear no Foo Fighters.

Uma parte de mim achava que seria uma furada. A outra estava ansiosa, afinal, era o Paul Macca e o Nirvana/Foo Fighters.

Por algum motivo, eu tinha esquecido que Paul era o cara que tinha feito Helter Skelter, o primeiro proto-heavy-punk da história do rock. O cara que fez o Ringo gritar de desespero depois de gravar uma centena de takes para esta música, em busca do peso e crueza imaginados por ele. Tinha alguma coisa ali.

E foi essa coisa que veio à tona durante a execução de Cut Me Some Slack, música criada por eles alguns meses antes e que agora veio ao mundo, na performance do dia 12/12/12 em prol das vítimas do furacão Sandy.

Link Youtube | "De repente, me dei conta de que eu estava no meio de uma reunião do Nirvana" –Paul McCartney

Do absoluto caralho.

Não faço ideia se isto vai ou não acontecer, mas admito que eu gostaria muito de ver esta formação criar mais algumas coisas juntos. E, se for contar com a absurda habilidade do Dave Grohl em reunir e participar de grupos animais, não duvido que seja possível.

Agora, é só sentar e esperar.

Link Youtube | Como dizer não para Paul McCartney?


publicado em 13 de Dezembro de 2012, 11:38
Avatar01

Luciano Ribeiro

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: