Já está no ar nosso curso online de estilo “Mas você vai de chinelo?”. Inscreva-se agora! É gratuito e é pra todos os homens!

11 acessórios de cinema para ter na sua moto (ou não)

Aqueles detalhes que fazem toda diferença.

  • Nossos atuais Mecenas:
  • 47 nh 1 png
  • Logo havaianas 130x50 png

Hoje, vamos falar de acessórios para motos. Mas não uma moto qualquer, claro. Vamos dar todo destaque às motos de cinema. As companheiras de heróis que, como cavalos alados, tornavam suas aventuras muito mais especiais.

Já os acessórios das mesmas, alguns podem até não ser tão úteis assim ou nem mesmo existir na vida real (ou até nem ser propriamente "de moto"). Mas, com toda certeza, adicionam belos pontos de estilo pra você colocar na sua ficha.

Acompanhe.

1. A espingarda de O Exterminador do Futuro 2

Eu sei que, tecnicamente, não é um acessório de moto, mas é praticamente uma coadjuvante da Harley-Davidson Fat Boy. A espingarda de cano serrado e seu modo de carregamento roubam a cena no filme.

Uma curiosidade é que, para um humano normal, é impossível recarregar daquele jeito, só com uma mão. Assim, a arma utilizada nas telonas teve seu peso reduzido pra deixar você de queixo caído vendo o T-800 fazendo algo que você nunca vai dar conta - e note que o Schwarzza faz aquilo sem sequer alterar a expressão de ciborgue assassino.

A cena é tão emblemática que a moto utilizada na gravação foi leiloada por mais de 2 milhões de dólares.

E, já que estamos em clima de velharia colecionável, vamos agora ao Super Trunfo dos acessórios para moto:

Utilidade: 8 - Suficiente para combater ameaças de outro espaço-tempo.

Existir: 5 - Existe, porém não igual ao do filme.

Pontos de estilo: 9 - Combina com um Exterminador.

2. A buzina na mini moto em Debi & Lóide - Dois Idiotas em Apuros

É praticamente impossível assistir mais de 10 minutos deste filme e não rir. Uma das minhas cenas favoritas é que mostra a marra com que o personagem de Jim Carrey chega buzinando essa micro moto. É simplesmente impagável. É basicamente um quadro soldado com um motor estacionário, porém, o suficiente para chegar até a gelada Aspen.

Utilidade: 9 - Muito importante para avisar os pedestres da chegada nesta ”moto”.

Existir: 10 - Vendido nas melhores bicicletarias.

Pontos de estilo: 9 - Combina demais com este "veículo".

3. Adesivos na moto de Top Gun: Ases Indomáveis

A Kawasaki GPZ900R foi a primeira moto da marca a usar o nome Ninja. Para o filme, o esquema de cores foi invertido, logo e marca foram retirados e colocaram vários adesivos ligados à aeronáutica. Não demorou muito para as vendas da moto e do kit de adesivos fazerem sucesso.

Utilidade: 0 - Apenas adesivos.

Existir: 10 - Venderam montes de kits de transformação.

Pontos de estilo: 9 - É, basicamente, o que torna esta moto mais especial

4. Pneus flamejantes de Motoqueiro Fantasma

Famoso no cinema por estar em chamas, o Motoqueiro Fantasma além de se transformar, transforma também sua moto. O garfo dianteiro passa a ser feito de correntes e os faróis são olhos em chamas. Outra marca registrada é deixar o asfalto pegando fogo por onde passa.

Utilidade: 0 - Aquece bastante os pneus.

Existir: 0 - Não existem (neste mundo).

Pontos de estilo: 10 - Queima pneu até parada (mas deve feder muito).

5. Um amigo e muita bagagem em Diários de Motocicleta

Já comentei por aqui que viajar com amigos é sempre mais divertido. A rota mostrada no filme é usada até hoje por motociclistas interessados em conhecer mais da América do Sul. La poderosa (Norton 500) não chegou até o final, porém, tem papel fundamental na jornada.

Utilidade: 10 - Amigos são irmãos que a vida nos dá.

Existir: 10 - Para uma viagem de 6 meses nada melhor que um amigo.

Pontos de estilo: 6 - Nada muito chamativo.

6. As metralhadoras do Batpod

Usado no filme O Cavaleiro das Trevas e também em O Cavaleiro das Trevas Ressurge, o Batpod permite pilotar e atirar com muito mais facilidade que o Exterminador do Futuro. Só não sei como a capa nunca enroscou naquele enorme pneu traseiro.

Utilidade: 10 - Excelentes para combater o mal.

Existir: 5 - Seria difícil emplacar uma moto destas.

Pontos de estilo: 5 - São muito mais úteis que estilosas.

7. As suspensões da Triumph de Fugindo do Inferno

Amante da velocidade e apaixonado por carros e motos, Steve McQueen pediu que fosse colocada uma cena com motos em Fugindo do Inferno (The Great Escape). A moto usada nas filmagens é uma Triumph que teve apenas as suspensões alteradas para aguentar o famoso salto sobre a cerca.

Utilidade: 10 - Cumpriram muito bem seu objetivo.

Existir: 9 - basta um bom mecânico e um bolso cheio.

Pontos de estilo: 8 - Dão um charme ainda maior a esta moto.

8. As rodas vazadas nas motos de Tron: O Legado

Provavelmente mais importantes que os atores, as motos fizeram a fama de Tron. Chamadas de light cycle contam sempre com enormes rodas abertas e deixam um rastro de luz por onde passam. Hoje em dia existem várias réplicas à venda.

Utilidade: 8 - Excelente para batalhas épicas.

Existir: 9 - Já existem à venda, só não deixam rastros por aí.

Pontos de estilo: 10 - Belas e futurísticas.

9. O relógio de Wyatt em Easy Rider

Em uma das cenas mais emblemáticas do cinema, o personagem de Peter Fonda joga seu relógio e seguida sobe na moto e parte para a Califórnia. Falando de temas polêmicos como drogas, prostituição e cultura hippie, o filme faz 50 anos em 2019.

Utilidade: 0 - Não é para ser útil, é para quem busca a máxima liberdade. ;)

Existir: 10 - A cena foi até homenageada em “Motoqueiros Selvagens”.

Pontos de estilo: 10 - Aquela rebeldia clássica é estilosa demais.

10. Pintura no tanque em Pulp Fiction

Que atire a primeira pedra quem nunca deu nome para a sua moto.

No filme, a pintura no tanque não deixa dúvidas que a moto se chama Grace. Porém, ela ficou conhecida como a moto do “Zed”. Mas quem é Zed? Zed is dead baby.

Quem não se lembra desta chopper?

Utilidade: 7 - Personalização é quase uma obrigação nas motos Custom.

Existir: 10 - A moto ficou famosa juntamente com o filme.

Pontos de estilo: 5 - Não sei bem se azul e roxo combinam com o preto e cromado.

11. Desafiando os Limites

Pode até parecer enredo de filme mas em Agosto de 1967 o neozelandês Burt Munro bateu o recorde mundial de velocidade para motos abaixo dos 1.000 cm³. Usando como base uma Indian 1920, ele construiu (na garagem de casa!) uma moto especial. Com um motor modificado, câmbio, rodas e carenagem especial, atingiu a marca de 296,25 km/h.

Utilidade: 10 - Literalmente, um míssil sobre rodas.

Existir: 10 - A moto e sua carenagem são referências até hoje.

Pontos de estilo: 0 - Quem dita o estilo é o vento.

* * *

E você, tem algum acessório desses que colocaria em sua moto? Conhece algum outro que poderia estar nesta lista? A caixa de comentários está aberta.


publicado em 02 de Abril de 2019, 17:27
Avatar jpg

Lucas Rizzollo

Jornalista especializado em carros e motos. Nascido com gasolina nas veias e fanático pelo o assunto desde sempre. Quando não está lendo ou escrevendo joga Poker e também Futebol Americano. Você pode seguir no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: