O que o PdH vai fazer no Campus Party 2014?

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Selo dorel jpg
  • Vivara130x50 jpg

Não, não é uma participação especial na palestra de hoje do Bruce Dickinson. (up the irons!)

Pra quem não conhece o empreendedor por trás do vocalista do Iron, pirem nesses vídeos: conversa em um fórum mundial de criatividade; palestra em conferência de negócios no País de Gales.

Deixando o metal de lado e retornando ao tema, fomos convidados pela Luciana Galastri, editora da Revista Galileu, para integrar a mesa "O impacto da discussão feminista online". Conosco estarão a Juliana de Faria, fundadora do Think Olga, e a escritora Clara Averbuck.

O Think Olga fez a campanha Chega de Fiu-Fiu ano passado, culminando nesse excelente infográfico:

Chega de fiu fiu

O convite nos deixou bem felizes. Mentira, ficamos felizes pra caralho. Somos um veículo com editorial orgânico, pulsante, pro melhor e pro pior. É possível encontrar em nosso histórico textos machistas horrendos. Foi um processo bastante longo até nos darmos conta da real profundidade dos problemas enfrentados pelas mulheres e do quão distantes estamos de direitos iguais em inúmeras áreas. Convites como esse sinalizam amadurecimento.

Entre publicarmos o "Conselhos a um machista em redenção" e o "Feminismo pra homens, um curso rápido", marco para nos ajudar a compreender do tema, se transcorreu um longo percurso. De lá pra cá, a conversa seguiu se abrindo em mais textos e incontáveis comentários. Fizemos um esforço tremendo para manter as discussões produtivas e saudáveis.

Em 2014, um de nossos marcos editoriais foi o texto "Como se sente uma mulher", pela maneira como colocou em pauta uma discussão social tão relevante, para um volume tão grande de pessoas.

É esse nosso rumo, abrir diálogos necessários, ainda que indigestos.

Estão todos convidados ao papo. Será 31 de janeiro, sexta, às 20h30, na área Gutemberg do Campus Party.

Se tiverem sugestões de perguntas para abrirmos por lá, deixem nos comentários.

* * *

ps sobre os comentários.: caso considere a discussão sobre feminismo irrelevante, irritante ou chata, peço com toda boa vontade do mundo para ler os três primeiros tópicos desse texto aqui antes de postar algo agressivo. Lembrando, todas as falas são bem-vindas no PdH, desde que respeitosas. Grande abraço!


publicado em 28 de Janeiro de 2014, 08:46
File

Guilherme Nascimento Valadares

Editor-chefe do PapodeHomem, co-fundador d'o lugar. Membro do Comitê #ElesporElas, da ONU Mulheres. Professor do programa CEB (Cultivating Emotional Balance). Oferece cursos de equilíbrio emocional e escreve pequenas ficções no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: